Edílson tem lesão na coxa e desfalca o Grêmio por 15 dias

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

  • Lucas Uebel/Grêmio

    Lateral foi um dos poucos titulares a jogarem no Paraguai e em Novo Hamburgo

    Lateral foi um dos poucos titulares a jogarem no Paraguai e em Novo Hamburgo

Edílson desfalcará o Grêmio outra vez. Nesta segunda-feira (24), o lateral direito teve detectada uma lesão na coxa esquerda e ficará fora por 15 dias. O problema muscular foi contraído durante a semifinal do Gauchão, diante do Novo Hamburgo, no domingo.

Caso o prazo de recuperação de confirme, Edílson volta a atuar na estreia do Brasileirão, diante do Botafogo. E perde as duas partidas pela Libertadores, contra Guaraní-PAR e Deportes Iquique-CHI.

Segundo boletim médico informado pelo Grêmio, Edílson tem uma lesão no músculo posterior da coxa direita. O problema foi detectado após revisão médica. O lance que de origem da ocorrência foi no segundo tempo da partida contra o Novo Hamburgo.

Edílson correu para acompanhar Juninho na ponta esquerda, chegou e fez a falta. Recebeu amarelo e não reclamou. Após a advertência, sinalizou dores na perna esquerda e foi substituído logo em seguida.

A troca realizada por Renato Gaúcho naquele momento foi a entrada de Lucas Barrios. Com isso, Léo Moura foi deslocado para a lateral direita. A ação pode ser repetida na quinta-feira, diante do Guaraní. Outra opção é o ingresso de Arthur no meio-campo, mantendo Léo Moura na linha de defesa.

Edílson desfalca o Grêmio mais uma vez em 2017. Titular na reta final do ano passado, o lateral direito realizou artroscopia em dezembro e voltou no final da pré-temporada. Logo depois de voltar, sentiu lesão muscular na panturrilha.

O camisa 2 foi um dos três titulares utilizados pelo Grêmio na quinta-feira da semana passada, contra o Guaraní, em Assunção. Sob o argumento de que iria preservar a equipe para a semifinal do Gauchão, Renato mandou a campo uma equipe totalmente alternativa. Somente Edílson, Marcelo Grohe e Pedro Rocha participaram do duelo. Os demais titulares nem no banco de reservas ficaram.

O Grêmio enfrenta o Guaraní-PAR na quinta-feira, às 21h45 (Brasília). Os dois times dividem a liderança do grupo 8 da Libertadores, o Tricolor leva vantagem no número de gols marcados.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos