Roger elogia jogo coletivo do Atlético e destaca gol ensaiado em palestra

Enrico Bruno e Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Atlético-MG

    Treinador gostou de ver gol marcado com jogada treinada durante a semana

    Treinador gostou de ver gol marcado com jogada treinada durante a semana

O técnico Roger Machado teve motivos de sobra para comemorar a goleada do Atlético-MG por 4 a 1 diante do Godoy Cruz, nesta noite de terça-feira, no estádio Independência. E um deles foi a maneira como o seu time construiu a vitória. Ao conceder sua entrevista após o jogo, o comandante chamou atenção para o objetivo alcançado com a vitória, a liderança e a classificação, mas não deixou de citar as jogadas coletivas que deram origem aos gols. Além disso, mostrou sua satisfação ao ver o placar ser inaugurado em uma jogada combinada antes do jogo. Clique aqui e veja os gols da partida.

"O Objetivo traçado era de ser o primeiro do grupo e tentar uma boa colocação geral da competição. Temos 13 pontos, um saldo importante e agora aguardamos a definição dos próximos jogos. Fizemos uma partida equilibrada, dificilmente oferecemos oportunidades ao adversário. O adversário cresceu um pouco no segundo tempo da partida, mas conseguimos controlar bem e soubemos trabalhar forte e encontrar soluções dentro do campo. O gol no inicio nos deu uma vantagem, tirou a estratégia do oponente. Foi grande jogo, com gols saindo de construções coletivas, trabalhando a bola, e isso me agrada bastante", comentou o professor.

O primeiro gol da noite saiu dos pés de Cazares, após meio time girar a bola até encontrar Marcos Rocha, autor da ótima assistência lá do meio de campo. Após marcar mais um, de falta, Cazares voltou a chamar atenção no terceiro gol. A triangulação com Robinho e Elias funcionou muito bem e o volante marcou pelo quarto jogo seguido. No segundo tempo, uma nova troca de passes resultou no gol de Fred, que encerrou um jejum de cinco partidas em branco. De todos os gols, porém, nenhum tenha deixado o treinador mais satisfeito quanto o primeiro. Além da jogada trabalhada, Roger destacou a disciplina dos jogadores para exercer o que foi orientado nas conversas antes da partida e surpreender o adversário logo no início.

"O Cazares esteve interessadíssimo o jogo inteiro. No primeiro gol, parte da palestra foi sobre atacar as costas do adversário e ele exerceu. Isso mostra a atenção e concentração do jogador em campo. Ele articulou, finalizou, marcou, recompôs e foi extremamente ativo como os demais. Só tenho elogios a fazer para ele hoje", acrescentou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos