Diretoria do Atlético-MG atende jogadores e Libertadores será no Mineirão

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

Apesar de perder por 2 a 0 para o Corinthians, no Mineirão, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro, os jogadores do Atlético-MG gostaram da atmosfera do estádio durante a partida. Foram mais de 45 mil presentes e bastante incentivo ao time durante quase todo o jogo. Vaias apenas no final da partida, após a derrota para o líder do Brasileiro. Por esse motivo, os jogadores pediram para enfrentar o Jorge Wilstermann, pela Copa Libertadores, no Mineirão, e foram atendidos pela diretoria do clube.

"Estávamos conversando. A atmosfera era outra, o que deu motivação maior. Preferimos o Mineirão, que tem gramado melhor", revelou o zagueiro Gabriel, antes mesmo de a diretoria divulgar o local da partida.

Via assessoria de imprensa, o Atlético confirmou o Gigante da Pampulha como palco do jogo de volta pelas oitavas de final do torneio internacional, dia 9, às 21h45. Como o Galo perdeu por 1 a 0, na ida, em Cochabamba, na Bolívia, o time mineiro precisa vencer por dois gols de diferença para avançar de fase. Em caso de vitória por 1 a 0, a decisão será nos pênaltis. Qualquer outro resultado classifica o Jorge Wilstermann.

E, assim como foi contra o Corinthians, a tendência é mais uma vez de ingressos baratos e com descontos especiais para os sócios do clube. No duelo com o líder do Brasileirão, a entrada inteira custou R$ 40 e o sócio do Atlético pagou R$ 13.

A mudança para o Mineirão aconteceu após o Atlético ter um começo muito ruim de Campeonato Brasileiro atuando no Independência. Nos nove jogos disputados no Horto pela competição, o Galo venceu apenas dois e foi derrotado em cinco oportunidades. Mesmo derrotado no primeiro compromisso no Mineirão, os jogadores ficaram satisfeitos com o clima criado pela torcida alvinegra.

Desde que se tornou um participante frequente da Libertadores, o Atlético atuou 23 vezes em Belo Horizonte. Foram 21 partidas no Independência e apenas duas no Mineirão. E o retrospecto é positivo. Os dois jogos foram a decisão de 2013, no triunfo por 2 a 0 sobre o Olímpia e título conquistado na disputa de pênaltis, e na goleada por 4 a 0 sobre o Melgar, do Peru, no encerramento da fase de grupos do ano passado.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos