Mais do que ida à semifinal. Grêmio joga para evitar 'fim de festa'

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

  • Ricardo Rimoli/AGIF

    Grêmio recebe o Botafogo e precisa de vitória simples para ir à semifinal

    Grêmio recebe o Botafogo e precisa de vitória simples para ir à semifinal

O futebol ofensivo e elogiado do Grêmio volta a encarar uma encruzilhada. Nesta quarta-feira (20), o time gaúcho recebe o Botafogo no jogo que vale vaga na semifinal da Libertadores. Vencer e eliminar o rival carioca significa mais do que avançar. Seguir adiante mantém a chance de ser campeão pelo segundo ano consecutivo e, de certa forma, evitar o clima de 'fim de festa' em pleno mês de setembro.

Dez pontos atrás do Corinthians, no Brasileirão, o Grêmio sabe que sua chance mais real de faturar uma taça está na Libertadores. "O Corinthians está muito longe, é muito difícil, então temos de focar na gente. Esquecer os outros, focar no Grêmio", tergiversou o lateral direito Edilson.

Com uma vitória simples, por qualquer placar, o Grêmio elimina o Botafogo e avança. Mantém, com isso, o passo para atingir outra meta: a de marcar o time atual na história. De transformar o jeito de jogar, um paradoxo dentro do próprio clube, elemento da memória a partir de algo concreto.

"Na vida, no clube, sempre falo aos jogadores: não adianta só chegar, tem de ser campeão. Quem faz história é quem dá volta olímpica", disse Renato Gaúcho às vésperas do jogo decisivo com o Botafogo.

No curto prazo, o jogo tem outro viés. Mantém uma motivação na temporada que ainda corre por mais três meses. Em caso de uma eliminação, por conta da distância em relação ao Corinthians, a temporada estará mais próxima de ser finalizada sem título. E com um natural declínio na mobilização.

"A gente não precisa fazer quatro ou cinco. A gente precisa de uma vitória só. A gente necessita muito dessa vitória", resumiu Edilson. "Se trata do jogo do ano para a gente. É quartas de final de Libertadores, estádio lotado. A gente espera o ano todo por jogos assim. Estamos a cinco jogos de um outro título", completou o lateral.

O vencedor do duelo entre Grêmio e Botafogo enfrenta, na próxima fase, o ganhador do confronto Santos e Barcelona-EQU. Do outro lado da chave estão River Plate, Jorge Wilstermann-BOL, Lanús e San Lorenzo.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO X BOTAFOGO

Data e hora: 20/09/2017, quarta-feira, às 21h45 (horário de Brasília)
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Árbitro: Patricio Loustau (ARG)
Auxiliares: Luis Murillo e Carlos Lopez (ARG)

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Edilson, Geromel, Kannemann e Cortez; Michel, Jailson, Ramiro, Arthur e Fernandinho; Barrios
Técnico: Renato Gaúcho

BOTAFOGO: Gatito Fernandez; Arnaldo, Joel Carli, Igor Rabello e Victor Luiz; Rodrigo Lindoso, Matheus Fernandes, Bruno Silva e João Paulo; Rodrigo Pimpão e Roger
Técnico: Jair Ventura

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos