Grêmio adota cautela e Luan deve voltar a jogar contra o Corinthians

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

  • Lucas Uebel/Grêmio

    Meia-atacante deve seguir fora do time gaúcho diante do Coritiba, no domingo

    Meia-atacante deve seguir fora do time gaúcho diante do Coritiba, no domingo

Luan deverá voltar a jogar pelo Grêmio somente diante do Corinthians, uma semana antes da primeira partida da semifinal da Copa Libertadores. O clube gaúcho adota extrema cautela por receio de novo problema muscular e por isso prepara o retorno do camisa 7 às vésperas do duelo diante do Barcelona-EQU, em Guaiaquil.

Se a previsão se confirmar, Luan fechará 40 dias longe do time do Grêmio. Por consequência, ele não atuará diante do Coritiba, domingo, no Paraná.

"O Luan eu posso dizer, pelo que se sabe, que para o jogo em Guaiaquil ele terá condições. Mas ele precisa jogar antes, jogador parado por um longo tempo dificilmente volta em plenas condições. A minha expectativa é que o Luan possa jogar já contra o Corinthians, depois contra o Palmeiras, que é três dias antes da partida em Guaiaquil", comentou Odorico Roman, vice de futebol do Grêmio.

Em 7 de setembro, o meia-atacante sentiu um problema muscular na coxa direita. A primeira avaliação do departamento médico indicou edema muscular, um grau abaixo do considerado lesão. Dias depois das quartas de final da Libertadores, Luan teve diagnosticado estiramento de grau um – em uma escala que vai até três. E ficou fora desde então.

"Eu tenho certeza que a prioridade total é a recuperação dos jogadores. Tirar todo mundo do departamento médico. O jogador precisa sair, pegar ritmo, jogar. Esse é o nosso maior problema, faltam três jogos e é importantíssimo ter todo mundo treinando e de preferência jogando para chegar bem contra o Barcelona. Não adianta ficar 40, 50 dias sem jogar", disse Renato Gaúcho.

Nos últimos dias, Luan intensificou os treinos físicos, mas ainda não havia sido liberado para atividades com bola. O edema muscular apresentou, ao longo das semanas, resistência para ser absorvido pelo organismo. Ainda assim, os novos exames de imagem realizados não indicaram gravidade no quadro. A cautela foi adotada pelos médicos e comissão técnica.

O plano de Renato Portaluppi é usar Luan de forma progressiva, sem forçar o retorno. Por isso, o cenário ideal projetado indica escalação ou participação no decorrer dos jogos em duas rodadas do Campeonato Brasileiro.

O Grêmio encara o Barcelona, em Guaiaquil, no dia 25 de outubro. A delegação embarca na madrugada do dia 23 e viaja em voo fretado.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos