Teló abre final da Libertadores inspirada na Europa e com pegada gaúcha

Jeremias Wernek

Do UOL,em Porto Alegre

  • Divulgação

    Michel Teló faz show na abertura da final da Libertadores antes de Grêmio x Lanús

    Michel Teló faz show na abertura da final da Libertadores antes de Grêmio x Lanús

A final da Libertadores 2017 bebeu da influência dos grandes torneios europeus. Antes da bola rolar nesta quarta-feira (22), em Porto Alegre, Michel Teló protagonizou um show prévio ao duelo Grêmio e Lanús-ARG. O espetáculo de luz e som teve repertório voltado ao povo gaúcho.

A apresentação se desenrolou em um palco instalado dentro do gramado, tal qual é feito em eventos da Europa.

Teló interpretou cinco músicas e as duas primeiras foram clássicos do cancioneiro gaúcho: Querência Amada, eternizada na voz de Teixeirinha, e Canto Alegretense.

Depois, o cantor puxou duas musicas de se repertório: Humilde Residência e Aí Se Eu Te Pego. Na sequência, o estádio se uniu para entoar o Hino Rio-Grandense.

No encerramento do pocket show, Michel Teló comandou o hino do Grêmio com um acordeão em mãos.

O palco foi ladeado por escudos gigantes de Grêmio e Lanús, em ação diferente do padrão de outras finais recentes.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos