Nova imagem mostra que goleiro do Lanús empurrou gandula na final

Do UOL, em Porto Alegre

  • Reprodução

    Detalhe da imagem encontrada por gremistas que mostram o goleiro do Lanús empurrando o gandula

    Detalhe da imagem encontrada por gremistas que mostram o goleiro do Lanús empurrando o gandula

A polêmica toma conta do jogo de ida da final da Libertadores. E não é só nas reclamações contra arbitragem. Depois do Lanús acusar um gandula do Grêmio de tentar acertar o goleiro Andrada, vídeos feitos por torcedores presentes na Arena na última quarta mostram o camisa 1 argentino empurrando o profissional gremista.

O material foi registrado pelos torcedores que estavam na arquibancada norte, atrás do gol defendido por Andrada no segundo tempo. O fato ocorreu no último lance do jogo. Pelas imagens é possível ver que o profissional vai até a bola para repor, o goleiro sai correndo do campo, pula a placa de publicidade e, atrás da reposição rápida, se choca com o gandula, que cai.

Quando Andrada vai voltar ao campo, o gandula vai atrás dele como se fosse o acertar, mas o jogador é mais rápido ao regressar ao gramado.

No desembarque após a derrota em Porto Alegre, o presidente do Lanús, Nicolás Russo, acusou o gandula de tentar agredir Andrada. "Os gandulas deles tinham 35, 40 anos e um deles tentou agredir nosso goleiro, mas não conseguiu", disse.

A versão online do jornal Olé, da Argentina, usou um vídeo que mostra apenas a tentativa de agressão do brasileiro na reportagem que aborda o caso.

Grêmio vai à Conmebol

Nesta sexta-feira, o presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Júnior, foi à Conmebol protestar contra o ocorrido no duelo de ida da final. Mesmo com a vitória por 1 a 0 do time gaúcho, o mandatário entende que dois pênaltis não foram marcados, nem mesmo com a presença do árbitro de vídeo, que não foi utilizado.

A ideia do clube é postar-se pela lisura da competição e até solicitar as gravações do sistema de arbitragem eletrônica. Áudios e vídeos que comprovem que o mecanismo poderia ser utilizado.

Enquanto isso, o departamento jurídico gremista protocolou pedido de reversão do cartão amarelo do zagueiro Walter Kannemann, que por conta dele está suspenso do compromisso de volta, na próxima quarta, no estádio La Fortaleza.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos