Grêmio define ponto de encontro para torcida, que terá escolta na Argentina

Do UOL, em São Paulo

  • Marinho Saldanha/UOL

O Grêmio divulgou nesta segunda-feira (27) o plano logístico para os 5 mil torcedores que irão a Buenos Aires acompanhar a decisão da Libertadores na quarta-feira (29). Após acordo com as autoridades argentinas, o clube gaúcho informou que haverá uma concentração na região de Puerto Madero antes do deslocamento para o estádio La Fortaleza, com escolta policial.

A sugestão tem como principal motivo a segurança dos torcedores e um trabalho mais fácil para a polícia local, que terá a responsabilidade de guiar um grande grupo de pessoas, em vez de vários grupos menores dispersos. O clube também orientou que a torcida se organize para ir ao estádio em vans ou ônibus, evitando o uso de carros para o deslocamento com escolta.

A viagem de Puerto Madero a Lanús, onde será realizada a final da Libertadores, deve levar cerca de 90 minutos. O percurso total é de aproximadamente 20 quilômetros.

O clube gaúcho teme encontrar um cenário completamente hostil e com viés violento para o segundo jogo da decisão do torneio continental, especialmente após relatos de maus-tratos a torcedores argentinos na partida de ida, em Porto Alegre. O Grêmio chegará ao estádio La Fortaleza precisando de um empate para conquistar o título, pois venceu na Arena por 1 a 0.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos