"O Grêmio é o melhor time da América", diz técnico do Defensor após empate

Do UOL, em Porto Alegre

  • Lucas Uebel/Grêmio FBPA

    O meia Everton em lance da partida entre Defensor e Grêmio, pela Libertadores

    O meia Everton em lance da partida entre Defensor e Grêmio, pela Libertadores

O técnico Eduardo Acevedo, do Defensor, rasgou elogios ao Grêmio após o empate em 1 a 1 desta terça-feira (27). Segundo o comandante, o time de Renato Gaúcho é o melhor do continente e forçou uma mudança drástica na postura de jogos de sua equipe.

"Foi um jogo muito complexo. O Grêmio é o melhor time da América. Muito superior ao nosso. Tem muita posse de bola, é preciso. Não poderíamos pressionar. Meu time joga pressionando no Uruguai, mas aqui não temos um time como o Grêmio. Quando vi o jogo contra o Independiente, que ficou com 10 nos dois jogos e causou muitas dificuldades ao Grêmio porque se postou atrás, vi que poderia fazer isso. Vi contra o Cruzeiro, contra o Novo Hamburgo, mas era um time bem diferente. O Grêmio é um time excepcional. De longe o melhor do continente", avaliou o técnico uruguaio em entrevista à Rádio Gaúcha.

O Tricolor saiu na frente com gol de Maicon. Mas no fim, a zaga falhou e Maulella empatou em 1 a 1.

"Meus jogadores entenderam o que eu pedi, mesmo mudando totalmente nossa forma de jogar. Empatamos e foi muito importante. Estamos brigando com o Cerro (Porteño, do Paraguai) por esta vaga. O Grêmio vai classificar e pontuar contra o Grêmio é muito importante. Todos os grupos são parelhos, mas o nosso tem o Grêmio, que é uma vaga a menos", afirmou.

Além disso, o comandante explicou a opção de levar o jogo para o acanhado estádio Luis Franzini em vez de mandar a partida no estádio Centenário.

"Quando a primeira fase da Libertadores se colocou com tanta gente, dirigentes e torcedores fizeram uma assembléia e escolheram jogar aqui sempre. Ao Defensor não importa a arrecadação, importa jogar em casa. A torcida do Defensor quer ver seu time jogando em casa. Eu preferiria jogar no Centenário. Mas tenho que respeitar o torcedor que quer ver seu time jogando em casa", finalizou.

O Defensor encara o Cerro Porteño na próxima rodada do grupo 1 da Libertadores.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos