Topo

Futebol


Melhores em campo, Vanderlei e Sasha exaltam sofrimento santista em vitória

Ale Cabral/AGIF
Além de Vanderlei, Sasha brilhou em contra-ataque letal no gol do Santos na Argentina Imagem: Ale Cabral/AGIF

Do UOL, em Santos (SP)

2018-04-05T23:54:31

05/04/2018 23h54

O goleiro Vanderlei e o atacante Eduardo Sasha, os dois melhores jogadores do Santos na vitória contra o Estudiantes por 1 a 0, em Quilmes, na Argentina, em jogo válido pela terceira rodada da Copa Libertadores da América, exaltaram o sofrimento da equipe santista na conquista dos três pontos.

Após marcar o gol no início do primeiro tempo em contra-ataque, o Santos jogou atrás e sofreu pressão dos argentinos principalmente na segunda etapa. Por conta disso, Vanderlei foi o melhor jogador da partida com quatro grandes defesas.

“Não é à toa que é um dos grandes goleiros do Brasil. Nossa equipe soube sofrer e estávamos bem postados e não sofremos o gol. A gente veio pra pontuar, um ponto não seria mal, conseguimos uma vitória muito importante e agora quem sabe vamos abrir mais vantagem ainda contra eles em casa”, afirmou Sasha. 

“Eles alçaram bolas na área a todo o momento. Ainda bem que soubemos suportar a pressão e sair com a vitória. Até porque não tomar o gol, fazer a defesa, vai dar tranquilidade para lá na frente definir. Faltou dar o passe final, o segundo tempo o Estudiantes veio para cima da gente”, disse Vanderlei.

Vanderlei fez uma grande defesa quando o jogo estava empatado. Ele fez uma “ponte” para defender uma cabeçada forte do zagueiro Schunke na entrada da pequena área. No segundo tempo, o goleiro brilhou com mais três grandes defesas, no mínimo, e garantiu a vitória santista.

“(que nota se dá?) Isso deixo para vocês. O importante foi fazer um bom trabalho e a nossa equipe vencer. Agradeço a vitória e por a equipe ter se portado bem, sabíamos que viriam para a torcida, com um campo acanhado. Fizemos um e poderíamos fazer outro para dar uma tranquilidade maior”, declarou o goleiro.

Sasha, por sua vez, brilhou na jogada do gol ao puxar o contra-ataque e aplicar o “drible da vaca” no zagueiro antes de finalizar na trave. No rebote, Arthur Gomes fez o gol.

“Foi um gol coletivo, saímos em um contra-ataque rápido eu, Rodrigo e o Arthur. Estamos de parabéns pelo resultado”, disse Sasha.

Com a vitória, o Santos assumiu a liderança de seu grupo na competição continental, com seis pontos. Os três pontos fora de casa foram importantíssimos devido ao equilíbrio entre os times no grupo. A equipe santista, por exemplo, entrou em campo na Argentina na terceira colocação, com três pontos, atrás de Estudiantes e Real Garcilaso.

Pela Libertadores, o Santos volta a campo contra o próprio Estudiantes, na Vila Belmiro, no próximo dia 24. Antes disso, a equipe santista estreia no Campeonato Brasileiro, diante do Ceará, no dia 14, na Vila Belmiro.

Mais Futebol