UOL Esporte Liga dos Campeões
 
16/09/2009 - 17h37

Luís Fabiano e Renato marcam e Sevilla derrota Unirea na Liga dos Campeões

Com atuação destacada de Luís Fabiano, o Sevilla estreou com vitória na fase de grupos da Liga dos Campeões. Nesta quarta-feira, o time espanhol recebeu o Unirea Urziceni, da Romênia, e ganhou por 2 a 0, em jogo válido pelo grupo G. O atacante brasileiro marcou um gol e teve participação direta no outro, feito por Renato. Na outra partida da chave, Stuttgart e Rangers empataram por 1 a 1.

Eduardo Abad/EFE
Luís Fabiano foi o destaque da vitoriosa estreia do Sevilla na fase de grupos da Liga
Thomas Bohlen/Reuters
Em casa, Stuttgart tinha o domínio do jogo, mas cedeu empate por 1 a 1 com Rangers
JOGOS DESTA QUARTA PELA LIGA
LIVERPOOL E LYON VENCEM EM CASA
ARSENAL REAGE E GANHA DE VIRADA
INTER E BARCELONA FICAM NO 0 A 0
LEIA MAIS NOTÍCIAS SOBRE FUTEBOL
Desde o início, o Unirea se fechou em seu campo de defesa. Apesar da retranca montada pelo time romeno, o Sevilla aos poucos criou algumas chances. Aos oito minutos, Kanouté chutou, a bola desviou em um defensor e por pouco não foi para as redes.

Com dificuldades para furar o bloqueio do adversário, o Sevilla só voltou a assustar novamente aos 28. Luís Fabiano cobrou falta e o goleiro Arlauskis espalmou pela linha de fundo. Dois minutos depois, Kanouté tabelou com o atacante brasileiro e bateu, mas a bola desviou em um defensor.

Luís Fabiano tentou de novo aos 35, mas outra vez havia um rival no meio do caminho. Quando o empate sem gols parecia ser o resultado da primeira etapa, o Sevilla abriu o marcador. Renato cruzou e Luís Fabiano chutou rasteiro para, enfim, vencer a defesa da equipe romena.

Na segunda etapa, o Sevilla continuou superior em campo. Aos sete minutos, Luís Fabiano recuperou uma bola e tocou para Capel bater por cima. De forma tímida, o Unirea arriscou algumas subidas ao ataque, mas sem grande perigo.

Os rojiblancos quase fizeram o segundo aos 22. Negredo chutou de longe e Arlauskis fez uma defesa complicada. Três minutos depois, o goleiro do Unirea levou a pior. Em uma cobrança de escanteio, Luís Fabiano cabeceou e Renato, também de cabeça, ampliou para o Sevilla.

"Foi uma boa estreia. A equipe deles sempre esteve recuada. Foi um jogo truncado, mas nós tivemos paciência e conseguimos fazer o primeiro gol no final do primeiro tempo, e na segunda etapa eu fiz o segundo gol e tivemos mais tranqüilidade na partida", disse Renato.

Stuttgart tropeça no Rangers

O Stuttgart tinha todas as condições para também estrear com vitória na fase de grupos da Liga dos Campeões. Em casa, o time alemão vencia o Rangers por 1 a 0 sem sofrer muitos incômodos, mas cedeu o empate para a equipe escocesa.

Logo no primeiro minuto de jogo, o Stuttgart chegou com perigo. Hilbert desceu pela direita e cruzou; Cacau bateu forte e exigiu defesa difícil de McGregor. A pressão dos donos da casa continuou aos cinco, mas Pogrebnyak pegou a conclusão de Pogrebnyak.

Cacau e Hitzlsperger arriscaram de longa distância e mandaram por cima. Não demorou muito para o time alemão ficar em vantagem. Aos 18, Papac escorregou e deixou a bola com Cacau. O atacante avançou pela direita e cruzou para a conclusão precisa de Pogrebnyak.

Os anfitriões tinham o domínio da partida e contaram com a falta de criatividade do Rangers, que pouco atacou. Na segunda etapa, o Stuttgart continuou dono das melhores ações e por muito pouco não ampliou aos 13 minutos. Pogrebnyak viu sua conclusão ser tirada em cima da linha por um adversário.

A primeira chance do Rangers saiu em um chute de longe de Rothen, aos 19, mas Lehmann fez uma boa defesa. O time escocês se animou e conseguiu o empate aos 32. Depois de tabelar com Rothen, Bougherra igualou.

Na segunda rodada, no dia 29, o Unirea recebe o Stuttgart, enquanto Rangers e Sevilla se enfrentam na Escócia.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host