UOL Esporte Liga dos Campeões
 
29/09/2009 - 17h35

Barcelona bate Dynamo Kiev e assume liderança de seu grupo na Liga

O Barcelona conquistou sua primeira vitória na fase de grupos da Liga dos Campeões e se isolou na liderança do grupo F, mas deixou um gosto de 'quero mais' em sua torcida. Nesta terça-feira, o time espanhol recebeu o Dynamo Kiev e derrotou o clube ucraniano por 2 a 0. Contudo, o amplo domínio dos donos da casa, especialmente no segundo tempo, sugeria um placar mais confortável.

Em sua estreia na fase de grupos do torneio continental, o Barcelona havia empatado por 0 a 0 com a Internazionale. O Dynamo Kiev, por usa vez, derrotou o Rubin por 3 a 1. Dado o domínio exercido no jogo disputado no Camp Nou, os blaugranas poderiam ter obtido uma vitória por maior vantagem.

A torcida presente ao Camp Nou levou um susto aos quatro minutos, quando Gérson Magrão invadiu a área e chutou para fora. O Barcelona não demorou muito para assumir o comando do jogo. Aos 14, um lance polêmico: em lance dentro da área, Kacheridi puxou a camisa de Iniesta, que caiu; o árbitro mandou o lance seguir.

O time ucraniano voltou a incomodar aos 21. Valdés espalmou um escanteio cobrado por Gérson Magrão; na sequência, Daniel Alves evitou o gol de Yussuf. O Barcelona respondeu aos 25. Messi recebeu na direita, saiu da marcação de Leandro Almeida e chutou; o goleiro Shovkovskiy falhou e a bola foi para as redes.

Ibrahimovic perdeu a chance de ampliar aos 33, em defesa de Shovkovskiy. Seis minutos depois, Messi invadiu a área pela direita e rolou para a chegada de Xavi, mas o chute saiu fraco. Aos 41, o Dynamo Kiev chegou a igualar: Gérson Magrão cobrou falta e Vukojevic marcou. No entanto, o lance foi anulado por impedimento.

Nos acréscimos, Shovkovskiy teve muito trabalho para evitar o segundo gol dos anfitriões. Primeiro, ele salvou uma jogada cara a cara com Messi; no rebote, Ibrahimovic tentou um toque por cobertura, mas o arqueiro do Dynamo Kiev se esticou para espalmar pela linha de fundo.

Na segunda etapa, o Barcelona encontrou mais facilidades para dominar o adversário, cada vez mais recuado. Aos três minutos, Ibrahimovic finalizou após um cruzamento de Daniel Alves, mas Shovkovskiy pegou com tranqüilidade. Puyol teve a oportunidade de ampliar aos 20, ao cabecear para fora um escanteio cobrado por Xavi.

A pressão dos blaugranas continuou forte. Ibrahimovic bateu rasteiro aos 22, mas Shovkovskiy conseguiu defender. Aos 31, o Barcelona enfim ampliou sua vantagem. Pedro recebeu passe de Ibrahimovic e, dentro da área, bateu colocado no canto direito.

Com a vitória, o Barcelona se isola na liderança do grupo F com quatro pontos, um a mais do que o Dynamo Kiev. Internazionale (dois) e Rubin (um), que empataram por 1 a 1 um pouco antes, vêm a seguir. As equipes voltam a campo no dia 20 de outubro, com os jogos Barcelona x Rubin e Internazionale x Dynamo Kiev.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host