Há um ano, PSG eliminava Chelsea em jogo épico com herói brasileiro

Do UOL, em São Paulo

Chelsea e Paris Saint-Germain se enfrentam nesta quarta, às 16h45 (de Brasília), no mesmo local onde há um ano eles protagonizaram um dos momentos mais incríveis da última Liga dos Campeões.

O jogo da volta das oitavas daquela edição teve todos os componentes de uma saga épica, resolvida nos últimos minutos por um herói em redenção: Thiago Silva, zagueiro e capitão do PSG, foi o autor do gol salvador. Apenas alguns minutos antes, ele tinha cometido um pênalti infantil que por muito pouco não resultou em tragédia.

Na ida, em Paris, o empate em 1 a 1 tinha sido sentido como derrota pelos franceses, que teriam de fazer das tripas coração para reverter o placar em Stamford Bridge. E tudo pareceu ir por água abaixo quando, ainda no primeiro tempo do jogo da volta, Zlatan Ibrahimovic foi expulso por uma entrada um pouco mais dura em Oscar.

GLYN KIRK/AFP
"Foi mal, galera"

O sueco já levantou pedindo desculpas, mas o árbitro não condescendeu e levantou o cartão vermelho imediatamente. A missão do PSG tinha ficado só um pouco mais complicada.

No segundo tempo, o zagueiro inglês Cahill acertou um chute de primeira e abriu o placar para o Chelsea.

Matt Dunham / AP
Todos os olhos nos pés de Cahill (e ele acerta!)

Com um a menos, em desvantagem no placar, o PSG buscava um milagre para avançar às quartas. E o milagre aconteceu a cinco minutos do fim do tempo regulamentar. David Luiz acertou uma bela cabeçada e levou o jogo para prorrogação.

Ele, que tinha prometido não celebrar gol contra seu ex-clube, acabou comemorando assim:

IAN KINGTON / AFP
Ahhhhhrrr

Aí, na prorrogação, Thiago Silva começou a mostrar suas garras – nesse caso quase literalmente. Em um movimento inexplicável, o zagueiro resolveu bloquear uma bola na grande área com as mãos, como se tivesse de repente decidido jogar vôlei e não futebol.

O pênalti tolo foi bem convertido por Hazard e o Chelsea caminhou para os minutos finais com um pé nas semifinais.

Mas, claro, como ainda estamos falando de futebol, o jogo no Stamford Bridge tinha que terminar com um grand finale, e ele saiu das cabeças de, adivinhem!, Thiago Silva. Depois de praticamente jogar a classificação no lixo, o brasileiro se redimiu com uma bela cabeçada, que encobriu o goleiro Courtois e calou a torcida da casa.

Alastair Grant / AP
Thiago Silva cabeceia enquanto David Luiz e Ivanovic se preparam para... uma dança (?)

O PSG, de maneira inacreditável, com seu melhor jogador fora desde o começo, tinha despachado o Chelsea tendo saído atrás duas vezes com gol de um jogador que em um punhado de minutos foi do inferno ao céu do futebol. Épico.

É só futebol, mas nós gostamos.

Nesta quarta, o PSG precisa de apenas um empate para chegar às quartas (o jogo da ida foi 2 a 1 para os franceses).

UOL Cursos Online

Todos os cursos