Liga dos Campeões 2015/16

Ibrahimovic diminui história do próprio time, e jornal francês defende PSG

Do UOL, em São Paulo

  • FRANCK FIFE/AFP

Às vésperas do duelo de oitavas de final da Liga dos Campeões contra o Chelsea, o astro do Paris Saint-Germain Zlatan Ibrahimovic diminuiu a história do próprio clube. E recebeu resposta da imprensa francesa: o jornal L'Equipe listou três momentos marcantes do time.

"Com todo respeito, creio que o PSG nasceu no dia em que os catari compraram este clube", disse o craque sueco, referindo-se aos investimentos bilionários de Nasser Al-Ghanim Khelaïfi. "Construíram um time, montaram grande equipe e a fizeram funcionar em pouco mais de três anos. Nunca havia visto isso", prosseguiu.

Na esteira da declaração, o L'Equipe lembrou a Ibrahimovic da campanha da temporada 1994/95 do clube na Liga, quando superou o Bayern de Munique na fase de grupos, com time que tinha Raí, e ainda passou pelo Barcelona nas quartas de final.

Falou também sobre o triunfo de virada do PSG sobre o Real Madrid, nas quartas da Copa da Uefa de 1992/93 – derrota por 3 a 1 na ida e vitória por 4 a 1 na volta. E da conquista da Copa Intertoto, em 20o1, em partida contra o Brescia. Para finalizar, questionou: "então, Ibra, a memória voltou?"

A crítica do sueco foi para pedir tempo ao PSG para conquistar a Liga dos Campeões, mas o tom da declaração "pegou mal". Ele também foi lembrado dos ídolos que já vestiram a camisa do clube francês, Ronaldinho Gaúcho e George Weah entre eles.

Nesta quarta-feira, o PSG enfrentará o Chelsea na Inglaterra, com vantagem por ter vencido a ida, em casa, por 2 a 1. O duelo é válido pelas oitavas de final do torneio. 

UOL Cursos Online

Todos os cursos