Liga dos Campeões 2015/16

Técnico diz que City teve mais vontade de vencer; Zidane elogia resultado

Do UOL, em São Paulo

O empate sem gols entre Manchester City e Real Madrid deixou sentimentos distintos para os técnicos das duas equipes. Do lado inglês, Manuel Pellegrini afirmou que sua equipe teve mais vontade de sair com a vitória. Pelo lado espanhol, Zidane disse ter gostado do resultado, mas admitiu que a atuação poderia ter sido melhor.

"Não esperava mais da minha equipe, pressionamos muito, mas não tivemos chances claras, principalmente depois da lesão do (David) Silva. Faltou criatividade para as duas equipes. Tivemos mais atitude e mais vontade de ganhar a partida que o Real Madrid", afirmou Pellegrini, que se mostrou confiante para a partida de volta, no Santiago Bernabéu.

"Vamos confiantes ao Bernabéu para tentar chegar à final. O empate sem gols nos favorece para a volta".

Sem contar com Cristiano Ronaldo, que se recupera de uma lesão na coxa, Zidane viu sua equipe com muitos problemas na criação de jogadas. "Foi uma partida difícil, sempre se pode melhorar. Fizemos um bom jogo, melhor no segundo tempo que no primeiro", afirmou.

"O resultado é bom. Corremos muito hoje. Era melhor marcar um gol, mas não conseguimos e não deixamos eles fazerem também. A (partida de) volta estará de novo 50-50", completou Zidane.

As duas equipes voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira (4), no Santiago Bernabéu. Um empate com gols classificará o Manchester City, enquanto um novo 0 a 0 levará o jogo para a prorrogação. Se houver um vencedor no jogo de volta, este estará classificado para a grande final.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos