Goleado em Barcelona, Guardiola não perdia por 4 a 0 há mais de dois anos

Do UOL, em São Paulo

  • Alber Gea/Reuters

    Técnicos Pep Guardiola e Luis Enrique observam o jogo entre Barcelona e Manchester City

    Técnicos Pep Guardiola e Luis Enrique observam o jogo entre Barcelona e Manchester City

A volta de Pep Guardiola a Barcelona nesta quarta-feira não foi nada boa. Seu novo time, o Manchester City, foi goleado por 4 a 0, com três gols de Messi e um de Neymar. Mais do que isso, foram poucos os momentos em que o City pareceu capaz de vencer o jogo no Camp Nou.

Para o treinador, considerado um dos melhores do mundo, a derrota é ainda mais doída: um time com ele no banco de reservas não levava quatro gols em uma partida há dois anos e cinco meses.

A última goleada sofrida por uma equipe de Guardiola foi nas semifinais da Liga dos Campeões de 2014. No dia 29 de abril, o seu Bayern de Munique levou 4 a 0 do Real Madrid. Os gols, naquela partida, foram de Sérgio Ramos e Cristiano Ronaldo. Ambos marcaram duas vezes. O resultado eliminou os alemães do torneio.

Durante as quatro temporadas como treinador do Bayern de Munique, Guardiola só levou quatro gols em apenas uma partida: em janeiro de 2015, o Wolfsburg goleou por 4 a 1 em partida da Bundesliga. Contra o Barcelona, a história também não ajuda. Em 2015, ele já tinha perdido na Espanha: 3 a 0.

O resultado é, também, o quarto jogo sem vitória do Manchester City na temporada – depois de uma largada com dez vitórias em dez jogos. Antes, o time empatou com o Celtic, 3 a 3 pela Champions League, e com o Everton, 1 a 1 pelo Campeonato Inglês, e perdeu para o Tottenham, 2 a 0, também no torneio local.

UOL Cursos Online

Todos os cursos