Neymar revê maior vítima e acumula sucessos contra 'porrada' escocesa

João Henrique Marques

Do UOL Esporte, em Barcelona

  • Albert Gea/Reuters

A marcação homem a homem, na base das entradas ríspidas e intimidação, são características do futebol escocês. Mas tem sido algo ineficiente contra Neymar. O brasileiro fez em duelos contra o Celtic as melhores exibições pelo Barcelona e, nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), em Glasgow, tem outra oportunidade para dar show. 

O rendimento de Neymar contra o Celtic é uma prova de que o uso do 'corpo a corpo' praticado por muitos times da Europa não é a melhor opção na tentativa de pará-lo. A marcação do time escocês, quase sempre feita por jogadores altos, deixa a tarefa facilitada para o brasileiro, veloz e com técnica apurada.

"O Neymar começou cedo a mostrar pelo Barcelona que não haveria problema em levar porrada. Dificultar o Neymar é marcar com sobra, jogador veloz, e linhas bem posicionadas. Tudo que o Celtic não faz. Eles não abrem mão do estilo viril, que tanto o Neymar gosta", destacou o comentarista espanhol Bruno Alemany, dá rádio Cadena Ser.
 

O sucesso de Neymar contra o estilo escocês começou bem antes da chegada ao Barça. Foi em 2011, pela seleção brasileira em Londres, que o jogador ganhou fama em solo britânico com uma exibição de gala, com pênalti sofrido e dois gols marcados na vitória por 2 a 0 sobre a Escócia.


Tom Hevezi/AP Photo
 

Na época, o jogador do Santos convivia com as dúvidas de que não teria sucesso na Europa por conta do estilo viril de muitas equipes.

Dois anos depois, o primeiro jogo de Neymar sem Messi pelo Barcelona foi justamente uma partida contra o Celtic pela Liga dos Campeões. O duelo em Glasgow teve o brasileiro jogando no centro do ataque, com Pedro e Fàbregas pelos lados, e uma exibição repleta de dribles e bons passes.

Neymar foi quem iniciou a jogada do gol da vitória por 1 a 0 marcado por Fàbregas. Ao final, foi escolhido o melhor jogador da partida pela imprensa. "Há vida sem Messi", estampou a capa do jornal esportivo catalão Mundo Deportivo na ocasião.

No duelo de volta no Camp Nou, novamente sem Messi, Neymar fez o primeiro hat-trick (termo usado na Europa para o jogador que faz três gols na partida) pelo Barcelona na vitória por 6 a 0. A opção do então treinador argentino Tata Martino foi novamente a de deixar atuando no centro do ataque.

O cenário em nada mudou na exibição de Neymar contra o Celtic nesta temporada. O brasileiro fez história na vitória por 7 a 0 no Camp Nou ao ser o primeiro jogador da Liga dos Campeões a dar quatro assistências e ainda anotar gol em uma única partida. Exibição que fez com que o atacante recebesse 'nota 10' nas avaliações de toda a mídia da Catalunha.

UOL Cursos Online

Todos os cursos