Brasileiro Rafael é único que se salva em queda do Lyon, dizem franceses

Do UOL, em São Paulo

  • Carlos Rodrigues/Getty Images

A última rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões foi cruel com o Lyon. O time francês foi até a Espanha para encarar o Sevilla, teve um pênalti não marcado, empatou em 0 a 0 e acabou eliminado do torneio continental.

Segundo a France Football, uma das revistas de futebol mais conceituadas do planeta, o único que se salvou do time francês foi o lateral brasileiro Rafael, ex-Manchester United (e revelado ao lado do irmão gêmeo Fábio pelo Fluminense): "Foi o único no tom e teve o mérito de jogar à altura da importância do jogo, acreditando até o último minuto. Foi o único em campo a fazer isso", disse a revista.

"Rafael foi o único a mostrar determinação durante todo o jogo. Suas descidas incansáveis pela lateral direita teriam sido recompensadas com um gol se, por exemplo, Valbuena estivesse atento ao lance logo aos três minutos de jogo. Ele mesmo poderia ter aberto placar nos acréscimos do segundo tempo se a bola não tivesse saído de controle", completou a France Football.

Na revista SoFoot, mais irônica, a avaliação foi bem diferente. A publicação lembrou de uma declaração do fim de semana, em que Rafael disse ter visto cenas violentas em duelos Brasil x Argentina, mas nada tão sério quanto o que aconteceu com seu goleiro (Anthony Lopes foi atingido por um rojão na rodada do fim de semana do Campeonato Francês), para ironizar. "Cara, preferimos que você mostre em campo [e não com memórias] porque você é brasileiro". 

UOL Cursos Online

Todos os cursos