Sevilla só errou uma vez contra Leicester. Justamente no lado de Mariano

Do UOL, em São Paulo

O Sevilla fez um grande jogo contra o Leicester, no jogo de ida pelas oitavas de final da Liga dos Campeões. Durante boa parte do jogo, a equipe dominou o time inglês, chegou a ter 2 a 0 no placar e a vaga estava quase garantida. Mas o gol de Vardy, aos 33 do segundo tempo, mudou tudo. Mariano, em especial, vai lamentar bastante o fato.

"O futebol não foi justo com o Sevilla. Melhor do que o Leicester em todos os aspectos do jogo, perdeu um pênalti, acertou a trave duas vezes e fez dois gols. O time andaluz mostrou argumentos suficientes para viajar para a Europa e garantir um bom resultado. Mas um erro defensivo na única grande ação ofensiva do Leicester condena o Sevilla ao sofrimento. O gol de Vardy dinamitou um confronto que o Sevilla dominava completamente. E mostrou que a Liga dos Campeões não permite a mínima distração", escreveu o El País.

O problema, para Mariano, é que o erro saiu justamente em seu setor. A jogada do gol inglês começou do lado esquerdo do ataque, com Drinkwater recebendo nas costas de Mariano para fazer o cruzamento para Vardy. Para o brasileiro, o fato é ainda pior: o técnico da seleção brasileira, Tite, tinha anunciado que iria observar o ex-jogador do Fluminense justamente nesta partida.

Apesar da falha do sistema defensivo do Sevilla, o brasileiro foi elogiado. "Mensagem para Tite: sob o olhar do técnico brasileiro, ele jogou por toda a partida no campo de ataque e deu muita profundidade para o lado direito do Sevilla", analisou o Estádio Deportivo, jornal esportivo de Sevilha.

O Marca também gostou do brasileiro. "O Sevilla buscou as laterais com Mariano e Escudero, muito ativos. Os dois mostraram facilidade para chegar à linha de fundo e foi em uma dessas jogadas que saiu o gol de Sarabia", escreveu o Marca – o lance referido é o primeiro gol do Sevilla, de Sarabia, que veio de um cruzamento de Escudero.

UOL Cursos Online

Todos os cursos