Sergio Ramos acaba com sonho do Napoli em 5 minutos e põe Real nas quartas

Do UOL, em São Paulo

O Napoli sonhou e chegou a flertar com o objetivo de avançar para as quartas de final da Liga dos Campeões. Do outro lado, porém, um zagueiro acostumado a decidir "salvou" o Real Madrid e colocou os atuais campeões na próxima fase. Com um gol e outro que mais tarde foi dado contra para Mertens, Sergio Ramos foi fundamental para a vitória por 3 a 1 da equipe comandada por Zinedine Zidane - Morata fez o terceiro.

Melhor no primeiro tempo, o Napoli abriu o placar com Mertens e chegou a pressionar em busca do segundo. Como havia perdido por 3 a 1 na Espanha, o resultado de 2 a 0 a favor daria a classificação ao time italiano.

O adversário do Real Madrid nas quartas de final será conhecido no dia 17 de março, data do sorteio em Nyon, na Suíça. As partidas da próxima fase estão marcadas para as semanas dos dias 11 e 12 e 18 e 19 de abril.

Pressão dá resultado ao Napoli

AP Photo/Andrew Medichini

O começo da partida foi de um time só. Mesmo sem obrigar Navas a fazer grandes defesas, o Napoli dominava as ações do confronto e oferecia perigo ao time espanhol. De tanto martelar, a recompensa veio aos 24 minutos da primeira etapa. Após troca de passes rápida, Hamsik achou Mertens dentro da área, que dominou e chutou cruzado para abrir o placar.

Real reage e acerta a trave do Napoli

Reuters / Alessandro Bianchi

Pouco tempo depois de sofrer o gol, o Real Madrid começou a tentar reagir no duelo. Aos 28 minutos, Cristiano Ronaldo perdeu uma chance incrível de empatar o jogo. Em contra-ataque, Benzema tocou para o português na área, que driblou o zagueiro Koulibaly e o goleiro Reina e, livre, acertou a trave. No rebote, Bale, sem ângulo, não conseguiu marcar.

Napoli volta a dominar e devolve chute na trave

O primeiro tempo terminou do jeito que começou, com o Napoli pressionando e o Real Madrid parecendo estar perdido na partida. Em um espaço de três minutos, a equipe italiana teve boas chances de fazer o segundo. Aos 37, após dividida de Kroos e Allan, a bola sobrou para Mertens, que carimbou a trave de Navas.

Um minuto mais tarde, Mertens tocou para Hamsik, que partiu em velocidade. Com Pepe chegando na marcação, porém, o eslovaco tentou chutar de fora da área, mas mandou longe. Pouco tempo depois, Insigne tocou para Hamsik, que chegou batendo para a defesa de Navas.

Sergio Ramos decide em cinco minutos

AP Photo/Andrew Medichini

Dominante no primeiro tempo, o Napoli voltou contido para o segundo, e o Real Madrid não perdoou. Logo aos seis minutos, Sergio Ramos apareceu para salvar o clube espanhol mais uma vez. E, de novo, de cabeça. Após cobrança de escanteio de Toni Kroos, o zagueiro subiu mais que a zaga e mandou para o fundo das redes de Reina.

E o Napoli mal teve tempo de assimilar o gol. Cinco minutos mais tarde, Sergio Ramos apareceu para definir o confronto. Em nova cobrança de escanteio, Kroos colocou na cabeça do zagueiro, que ainda contou com um desvio de Mertens para superar Pepe Reina.

Morata faz o terceiro contra um Napoli combalido

Já nos acréscimos da partida, Morata ainda encontrou tempo para fazer o terceiro para o Real Madrid. Marcelo tocou para Cristiano Ronaldo, que bateu para a defesa de Reina. No rebote, Morata chegou para mandar para o fundo das redes.

Napoli homenageia Careca

CalcioNapoli24.it/Reprodução

Antes de a bola rolar, o Napoli prestou uma homenagem ao brasileiro Careca, um dos ídolos da equipe. O ex-jogador foi à Curva A do Estádio San Paolo para saudar as arquibancadas. Os torcedores presentes retribuíram com gritos de "Careca, Careca, solte a bomba, solte a bomba", usado nos tempos em que defendeu o time entre 1987 e 1993.

UOL Cursos Online

Todos os cursos