Torcedores do Leicester são condenados a 4 meses de prisão por desordem

Do UOL, em São Paulo

O Tribunal 27 de Madri condenou a quatro meses de prisão os oito torcedores do Leicester que causaram desordem pública na última terça-feira (11) antes do confronto de quarta (12) contra o Atlético de Madri.

Os detidos ficaram por 10 horas à disposição das autoridades da capital da Espanha. Eles estavam acompanhados por advogados e interpretes, já que todos são da Inglaterra. Eles deram depoimento sobre a desordem e sobre as lesões causadas nos policiais.

Além dos quatro meses de prisão, quatro foram condenados a mais quatro meses por agressão aos policiais que estavam na Plaza Mayor. Apesar disso, todos podem retornar à Inglaterra e transformar as penas em multas.

A polícia da Espanha prendeu oito torcedores do Leicester na noite de terça-feira (11) por desordem pública. Os detidos estavam em Madri pelo confronto contra o Atlético de Madri pelas quartas de final da Liga dos Campeões da Europa.

O conflito foi na Plaza Mayor, um dos principais pontos turísticos da capital da Espanha. "Oito foram presos por desordem pública e vandalismo", comunicou um porta-voz da polícia de Madri.

De acordo com o britânico Daily Mail, a polícia precisou intervir porque os torcedores estavam jogando garrafas nas autoridades. "Quando chegamos, tinha um grupo de 70 pessoas. Três policiais tiveram cortes e contusões, mas ninguém precisou ser levado ao hospital", assegurou o porta-voz.

UOL Cursos Online

Todos os cursos