Cristiano Ronaldo volta após um mês e dá vitória para o Real na Champions

Do UOL, em São Paulo

  • REUTERS/Sergio Perez

O atual campeão da Liga dos Campeões mostrou a razão de tanto domínio na competição. O Real Madrid não deu chances ao adversário em sua estreia na competição europeia contra o APOEL nesta quarta (13) e mostrou todo o talento em campo, principalmente no segundo tempo. Diante do bem mais fraco time do Chipre, os espanhóis nem precisaram se esforçar muito para vencer por 3 a 0 no retorno de Cristiano Ronaldo. 

Há um mês sem jogar pelo Real Madrid por estar suspenso de competições espanholas por cinco jogos após ser expulso por empurrar o árbitro do primeiro jogo da Supercopa da Espanha contra o Barcelona, Cristiano Ronaldo provou em campo o que o técnico Zinedine Zidane havia falado sobre sua forma física após tanto tempo sem atuar pela equipe: ele está 100%.

Foram do português os dois primeiros gols do Real Madrid. Formando dupla de ataque com Gareth Bale por conta de lesão de Benzema, os dois jogadores deram muito trabalho à defesa do APOEL e por pouco os espanhóis não golearam o time do Chipre. O time de Zinedine Zidane ainda teve dois gols anulados após os 40 minutos do segundo tempo por impedimento de CR7.

No grupo H, o Real volta a campo pela Liga dos Campeões no dia 26 de setembro, contra o Borussia Dortmund. Os alemães estrearam na fase de grupos também nesta quarta e perderam por 3 a 1 para o Tottenham, jogando em Londres.  

Cristiano Ronaldo continua decisivo

Cristiano Ronaldo não sentiu falta do ritmo de jogo por estar há um mês sem entrar em campo com a camisa do Real Madrid e precisou de apenas 12 minutos para abrir o placar. Gareth Bale disparou pela esquerda e fez o cruzamento por baixo, o brasileiro Carlão não conseguiu cortar a bola, que sobrou livre para o português.

Entrou ou não entrou? Não!

AP Photo/Francisco Seco
Com menos de um minuto do segundo tempo, Cristiano Ronaldo aproveitou a bola na área e tentou fazer o segundo gol do Real. A bola bateu na trave e... Não entrou. O português ficou desesperado pedindo o gol, mas o árbitro não deu. Logo depois, a tecnologia da linha do gol mostrou que realmente havia faltado um pouco para a bola entrar completamente.

Pênalti para o Real

REUTERS/Paul Hanna
Logo depois, aos 5 minutos, o árbitro deu mão de Rodrigo Lago dentro da área. Cristiano Ronaldo bateu o pênalti para fazer o segundo do Real.

Bicicleta de Sergio Ramos

REUTERS/Sergio Perez
O Real Madrid voltou mais eficiente no segundo tempo quando o assunto é gols e teve até de bicicleta. Sergio Ramos não parou nem mesmo sendo agarrado na área e marcou aos 16 minutos da segunda etapa. 

Keylor Navas "se esticou" uma vez

Apesar da fragilidade da equipe do Chipre, APOEL assustou a defesa do Real Madrid ainda no comecinho da partida. Aos 9 minutos, Roberto Lago arriscou de longe e Navas fez boa defesa. Foi só isso. A equipe não conseguiu mais assustar o goleiro do Real. 

Zidane precisa fazer a primeira substituição ainda no primeiro tempo

AP Photo/Francisco Seco
Não foi por motivos técnicos, mas por lesão. Kovacic deixou o Santiago Bernabéu ainda no primeiro tempo para a entrada de Toni Kroos após sentir lesão. O jogador de 23 anos saiu visivelmente abatido do gramado.

Asensio seria titular, mas foi cortado por motivo inusitado

Javier Barbancho/Reuters
Após depilar suas pernas, o meio-campista Asensio sofreu com infecção em um dos poros e acabou cortado da partida. A informação foi confirmada pelo técnico Zinedine Zidane, que, aos risos, explicou o motivo do corte. "Ele tem uma espinha na perna que não o deixa colocar as meias", brincou o treinador.

UOL Cursos Online

Todos os cursos