Como Neymar pode virar o maior garçom da história da Liga dos Campeões?

João Henrique Marques

Do UOL, em Paris

  • Charles Platiau/Reuters

    Neymar deu o passe para o gol de Daniel Alves contra o Bayern de Munique

    Neymar deu o passe para o gol de Daniel Alves contra o Bayern de Munique

Neymar arranca pela esquerda, dribla, passa e é gol. A cena virou comum na Liga dos Campeões. O repertório de passes decisivos do brasileiro no Barcelona é repetido no Paris Saint-Germain e passou a ser provável o ver como o maior garçom da história da competição. No quesito assistências, ninguém tem rendimento sequer próximo.

Pela terceira edição seguida na competição, Neymar está na liderança do quesito assistências, com as 4 realizadas em 5 jogos do PSG. A vantagem pode ser ampliada nesta terça-feira diante do Bayern de Munique, na Allianz Arena, em Munique, às 17h45min (de Brasília) no jogo final da fase de grupos.

Na história da Liga dos Campeões, Neymar já ocupa um posto entre os 5 jogadores com mais assistências (ver tabela abaixo), com 21 no total. Só que mais do que isso. Algo que impressiona foi o tempo levado para atingir o feito.

Em números absolutos, Cristiano Ronaldo lidera o quesito com 33 assistências. Mas para atingir o feito o português precisou de 135 jogos no total. O que resulta em média de 0,24 por partida. Já Neymar, com apenas 45 jogos no total, tem média de 0,46 por partida. Com ela, o brasileiro seria capaz de chegar aos 135 jogos de Cristiano Ronaldo com 66 assistências no total.

Ninguém entre os líderes do quesito assistências na história da Liga dos Campeões se aproxima da eficiência de Neymar. O alemão Mezut Ozil, com 22 no total, em 70 jogos, tem a segunda melhor média com 0,31 por jogo.

As marcas de assistências de Ozil e Ibrahimovic, Neymar deve superar na atual edição da Liga dos Campeões. E como o segundo melhor do quesito na história, o galês Ryan Giggs, com 30 no total, já está aposentado, o duelo de Neymar será com Cristiano Ronaldo e Lionel Messi.

O histórico de Neymar na Liga dos Campeões

Na primeira edição no torneio, em 2013/2014, Neymar somou a marca de 3 assistências, em 10 jogos. Na temporada seguinte, a do título com o Barcelona, foi o artilheiro da competição – ao lado de Cristiano Ronaldo e Messi, com 10 gols. No entanto, terminou a disputa com apenas uma assistências, em 12 jogos disputados.

Já em 2015/2016, Neymar foi o líder de assistências com 5 – ao lado de Alexis Sanchez e Comam -. O feito foi repetido na edição passada, com a expressiva marca de 8 assistências, em 9 jogos.

Com 4 assistências sendo o líder do quesito novamente, Neymar ainda pode entrar para a história da competição como o único jogador a conseguir o posto em três edições do torneio.

Na carreira, Neymar soma 187 assistências, em 548 jogos disputados. A média é de 0,34 por partida.

Ranking de assistências na Liga dos Campeões

1-) Cristiano Ronaldo 33 assistências, em 135 jogos
2-) Ryan Giggs 30 assistências, 145 jogos
3-) Lionel Messi 25 assistências, em 112 jogos
4-) Mesut Ozil 22 assistências, em 70 jogos
4-) Zlatan Ibrahimovic 22 assistências, em 118 jogos
5-) Neymar, 21 assistências, em 45 jogos

UOL Cursos Online

Todos os cursos