Liga dos Campeões - 2017/18

Presidente do PSG fala que eliminação da Champions é "muito decepcionante"

João Henrique Marques

Do UOL, em Paris (França)

Presidente do Paris Saint-Germain, Nasser al-Khelaïfi não escondeu o desapontamento com a eliminação na Liga dos Campeões do time após a derrota por 2 a 1 contra o Real Madrid. Pouco depois do fim do jogo, que ocorreu no Parque dos Príncipes nesta terça-feira (6), o mandatário não escondeu o sentimento de insatisfação entre todos os funcionários do clube.

"Perdemos e estamos fora da Champions. É muito decepcionante para nós, clube, jogadores, fãs. Estamos fora e não podemos mudar isso", lamentou em entrevista na zona mista.

Mesmo decepcionado, Al-Khelaïfi pediu paciência à torcida do PSG. "Não iremos decidir o que acontecerá para o próximo ano. Vamos olhar as coisas boas e ver tudo de bom que fizemos, como podemos melhorar o time. Sabíamos que era o longo processo para ganhar a Liga dos Campeões, não é de um dia para o outro, clubes estão aqui faz mais de 100 anos. Sabemos que é um processo e iremos no caminho certo."

Perguntado sobre a possiblidade de demitir o técnico Unai Emery, o presidente do PSG afirmou que uma decisão drástica não será tomada no calor do eliminação. "Não muda nada hoje. Vamos pensar e não é o momento para mudar agora."

O próprio Emery falou sobre uma possível demissão do PSG. O treinador mostrou estar consciente de que pode deixar o clube após a queda. "Temos que analisar as coisas com frieza. A Champions era um objetivo e essa eliminação acelera os processos. Não conseguimos a classificação e temos que desejar sorte a eles."

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos