Liga dos Campeões - 2017/18

CR7 decide em falha de Dani Alves, Real bate PSG e vai às quartas da Liga

Do UOL, em São Paulo

O sonho do Paris Saint-Germain de conquistar a Liga dos Campeões foi adiado por mais uma temporada nesta terça-feira (6). Desfalcado de Neymar, o time francês viu Cristiano Ronaldo brilhar de novo na vitória do Real Madrid no jogo da volta das oitavas de final por 2 a 1 em pleno Parque dos Príncipes. Casemiro fez o outro gol dos merengues, enquanto Cavani descontou para os anfitriões.

A vitória por 3 a 1 no jogo de ida facilitou a situação para o Real Madrid, que conseguiu segurar o desfalcado ataque parisiense e ainda matar o jogo na etapa final. Para manter o sonho vivo de "la decima tercera", os merengues esperam a definição de seu adversário nas quartas de final, que será sorteado no dia 16 de março (sexta-feira).

Mesmo precisando da vitória, o Real Madrid teve as melhores chances de gol desde o primeiro tempo. Com um sistema defensivo montado a partir do meio-campo, o time de Zidane deu poucas oportunidades aos anfitriões e aproveitou a necessidade do PSG de fazer gols para aproveitar os buracos nas laterais em contra-ataques.

Dani Alves falha

Daniel Alves foi o ponto de maior vulnerabilidade do PSG no jogo. O lateral falhou na etapa inicial ao não acompanhar o ataque, mas foi 'salvo' por Areola, que defendeu um chute de Benzema após o camsa 9 receber um lançamento livre na área.

AFP PHOTO / GEOFFROY VAN DER HASSELT

Sua desatenção custou caro aos 5 minutos do segundo tempo. O lateral foi travado por Asensio no meio de campo, que carregou a bola e encontrou Lucas Vázquez dentro da área com um belo lançamento. O meia cruzou para Cristiano Ronaldo que de cabeça, fuzilou a rede do PSG no momento em que a torcida local ainda fazia festa para empurrar a equipe anfitriã.

Nervosismo e tentativa de reação

Com uma desvantagem de três gols de diferença, o Paris Saint-Germain contou com a força das arquibancadas para buscar os improváveis quatro gols para se classificar. A equipe aumentou a pressão contra os visitantes, e nem a expulsão de Verratti no segundo amarelo tirou o ímpeto dos parisienses, que empataram a partida aos 25 minutos.

Após cobrança de escanteio de Di María, Casemiro rebateu um cabeceio de Cavani. No entanto, a bola voltou a bater no uruguaio e entrou devagar no fundo das redes.

Casemiro sacramenta classificação

AFP PHOTO / FRANCK FIFE

O 'abafa' não teve chances contra a organização e a vantagem de um jogador a mais por parte dos madrilenhos. Aos 34 minutos, o Real Madrid ampliou o placar com gol brasileiro.

Após uma troca de passes entre Cristiano Ronaldo e Lucas Vázquez, Casemiro aproveitou um corte mal feito por Rabiot e chutou em direção ao gol. A bola ainda bateu em Thiago Silva antes de entrar nas redes e sacramentar a vitória e a classificação dos merengues.

'Substituto' de Neymar decepciona

Prestes a se tornar a segunda contratação mais cara da história do futebol, Kylian Mbappé decepcionou nesta terça-feira (6). O francês não conseguiu ter o mesmo protagonismo de Neymar no jogo decisivo e pecou pelo excesso de individualismo na primeira etapa. Discreto no segundo tempo, o atacante foi substituído pelo volante Lass Diarra pouco antes do fim da partida.

CR7 quase agride Dani Alves

Matthias Hangst/Getty Images

O nervosismo da partida fez com que Cristiano Ronaldo perdesse a cabeça. Após a arbitragem anotar uma infração, Daniel Alves trombou no português, que tentou acertar o jogador brasileiro. A arbitragem ignorou o lance ocorrido fora da bola, e os dois seguiram atuando normalmente.

Sistema defensivo brasileiro

Christophe Simon/AFP

Se Neymar não esteve presente, outros dois brasileiros ganharam oportunidade na Liga dos Campeões. Barrados no jogo de ida por Unai Emery, Thiago Silva e Thiago Motta foram titulares do PSG nesta terça-feira (6). O zagueiro, que ficou no banco de reservas no Santiago Bernabéu, ganhou também a braçadeira de capitão no segundo jogo das oitavas.

Homenagem a Astori

REUTERS/Benoit Tessier

Antes do jogo começar, uma bonita cena foi protagonizada entre todos os presentes no Parque dos Príncipes. O árbitro dedicou um minuto de silêncio a Davide Astori, que morreu no último domingo antes do jogo da Fiorentina. Enquanto os jogadores e as comissões de ambos os times se mantiveram quietos, os torcedores começaram a aplaudir após o telão mostrar uma imagem do zagueiro italiano. Marco Verratti, ex-companheiro de Astori na Azzurra, foi o atleta que mais se emocionou durante o tributo.

FICHA TÉCNICA

PARIS SAINT-GERMAIN 1 X 2 REAL MADRID

Local: Parque dos Príncipes, em Paris (França)
Data/Hora: 6 de março de 2018, às 16h45 (de Brasília)
Árbitro: Felix Brych (Alemanha)
Assistentes: Mark Borsch e Stefan Lupp (ambos da Alemanha)
Cartões amarelos: Verratti e Cavani (Paris Saint-Germain); Kovacic e Sergio Ramos (Real Madrid)
Cartão vermelho: Verratti (Paris Saint-Germain)

Gols: Cristiano Ronaldo, aos 5 minutos do segundo tempo; Casemiro, aos 34 minutos do segundo tempo; Cavani, aos 25 do segundo tempo; 

PSG: Areola; Daniel Alves, Thiago Silva, Marquinhos e Berchiche; Thiago Motta (Pastore), Rabiot e Verratti; Di María (Draxler), Mbappé (Diarra) e Cavani. Técnico: Unai Emery

Real Madrid: Navas; Carvajal, Sergio Ramos, Varane e Marcelo; Casemiro, Kovacic (Kroos), Asensio (Isco) e Lucas Vázquez; Cristiano Ronaldo e Benzema (Bale). Técnico: Zinedine Zidane

UOL Cursos Online

Todos os cursos