Liga dos Campeões - 2017/18

PSG é multado por sinalizadores de torcida em jogo contra o Real Madrid

Brian Homewood

Do Reuters, em Berna (Suíça)

  • Matthias Hangst/Getty Images

    Clube francês foi punido por sinalizadores em jogo da Liga dos Campeões 2017/2018

    Clube francês foi punido por sinalizadores em jogo da Liga dos Campeões 2017/2018

O Paris Saint-Germain terá que fechar seu estádio parcialmente durante seu próximo confronto europeu em razão dos distúrbios ocorridos durante sua derrota para o Real Madrid, que eliminou o time francês da Liga dos Campeões.

A Uefa disse nesta quinta-feira que seu comitê disciplinar ordenou que o PSG feche a arquibancada norte e o multou em 43 mil euros(R$ 174,6 mil) porque torcedores soltaram fogos de artifício e usaram sinalizadores durante a partida de volta das oitavas de final em Paris no dia 6 de março.

O PSG também foi acusado pelo bloqueio de escadarias e pela falta de revistas corporais, mas mais tarde a Uefa disse que a última acusação foi retirada.

O árbitro alemão Felix Brych teve que interromper o jogo em duas ocasiões devido ao excesso de fumaça provocada pelos fogos de artifício, que prejudicou a visibilidade para a equipe de arbitragem e os jogadores na derrota de 2 a 1 para o time espanhol.

Os torcedores Ultra do PSG também soltaram fogos perto do hotel no qual o Real se hospedou na capital francesa antes da partida, provocando uma queixa do clube rival à Uefa. A entidade responsável pelo futebol europeu não se referiu a isto em seu comunicado.

O Olympique de Marselha foi proibido de vender ingressos aos seus torcedores para seu próximo jogo europeu fora de casa, que será uma quarta de final da Liga Europa contra o RB Leipzig em 5 de abril, por causa dos problemas com a torcida em sua partida no campo do Athletic Bilbao na semana passada.

O Marselha também foi multado em 30 mil euros (R$ 121,9 mil) devido à acusação de que seus torcedores usaram fogos de artifício, atiraram objetos e causaram distúrbios.

A proibição se estenderá a uma segunda partida europeia se um incidente semelhante ocorrer nos próximos dois anos, disse a Uefa.

UOL Cursos Online

Todos os cursos