Salah afasta papel de protagonista; Firmino: "Um gol desmoronaria o City"

Do UOL, em São Paulo (SP)

O roteiro tradicional do Liverpool na temporada se repetiu nesta quarta-feira. Mais uma vez, o egípcio Mohamed Salah se mostrou decisivo e anotou o primeiro gol na vitória por 2 a 1 sobre o Manchester City, que assegurou ao time vermelho a classificação à semifinal da Liga dos Campeões. Mesmo herói, o camisa 11 adota um discurso humilde.

O egípcio, principal estrela do clube inglês durante a temporada, procurou dividir os méritos pela classificação. É a primeira vez em dez anos que o Liverpool retorna ao grupo dos quatro principais times europeus.

"Já falei algumas vezes que jogo pelo time, para tentarmos ganhar todas as partidas. Isso na realidade é o mais importante para mim. (...) Coletivamente e individualmente a gente deu 100%, e isso foi o mais importante", afirmou o artilheiro do Liverpool na temporada.

Quem também adotou um discurso de valorização do conjunto foi Roberto Firmino. Autor do segundo gol do Liverpool, o atacante brasileiro comemorou a classificação para a semifinal. O adversário será definido na próxima sexta-feira, depois de sorteio na Uefa.

"Foi um resultado que mostra o amadurecimento da nossa equipe. Avançamos para as semifinais com duas grandes vitórias sobre o líder do Campeonato Inglês e que tem um time de qualidade indiscutível. Soubemos jogar com inteligência, mesmo sofrendo um gol tão cedo. Sabíamos que um gol desmontaria o time deles, que seria obrigado, àquela altura, a fazer 5 a 1. Temos que comemorar essa classificação, mas ainda não conquistamos o nosso objetivo", declarou Firmino.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos