Real vence Roma e lidera grupo na Champions, mas ambos se classificam

Do UOL, em São Paulo

  • Alessandro Bianchi/Reuters

    Gareth Bale e Lucas Vázquez marcaram pelo Real na vitória por 2 a 0 sobre a Roma

    Gareth Bale e Lucas Vázquez marcaram pelo Real na vitória por 2 a 0 sobre a Roma

O Real Madrid venceu a Roma por 2 a 0 nesta terça-feira (27), na Itália, e assumiu a liderança do Grupo G da Liga dos Campeões. Os gols foram feitos por Bale e Lucas Vázquez. Mesmo com este placar, as duas equipes já estão garantidas na próxima fase.

Mais cedo nesta terça, a derrota sofrida pelo CSKA Moscou contra o Viktoria Plzen, de virada, por 2 a 1, acabou classificando Roma e Real para as oitavas antes mesmo de as duas equipes entrarem em campo.

A vitória deixa os espanhóis com 12 pontos; são três a mais que os italianos, que ainda podem superá-los. No dia 12 de dezembro, dois jogos às 15h55 (de Brasília) definem a última rodada: enquanto a Roma visita o Viktoria Plzen na República Tcheca, o Real recebe o CSKA no Santiago Bernabéu.

O melhor: Bale

Gregorio Borgia/AP

Depois de fazer o primeiro gol merengue, aproveitando erro de Fazio, Bale também foi responsável por outras boas jogadas. Aos 14 do segundo tempo, o galês levantou a bola para a área com categoria, Benzema escorou, e Vázquez completou para a rede.

Bale só não teve atuação impecável no segundo tempo porque perdeu um gol na cara de Olsen. Depois de receber lindo lançamento de Marcelo, o camisa 11 chutou em cima do goleiro.

O pior: Fazio

No primeiro lance do segundo tempo, a jogada do gol de Bale começou com um recuo de Fazio para Olsen. O passe não transmitiu tanto perigo naquele primeiro momento, mas, ao ver o chutão do goleiro, o zagueiro da Roma se antecipou no cabeceio e entregou a bola de presente para o galês, que não perdoou.

Under perde chance incrível e 'salva' Carvajal

Alessandro Bianchi/Reuters

Quando Carvajal bobeou pela esquerda do ataque da Roma, aos 46 do primeiro tempo, Zaniolo não foi apenas esperto ao roubar a bola. O meia tomou rapidamente a decisão de cruzar rasteiro - e com muita categoria - para Under. Ele só não imaginava que o colega fosse isolar a bola com o gol aberto à sua frente.

A jogada poderia ter empolgado a torcida italiana, mas encerrou a etapa inicial e parece ter mudado o espírito do Real para o segundo tempo.

Saída de El Shaarawy dá espaço a Kolarov

Alessandro Bianchi/Reuters

Como o Real teve o domínio da posse de bola nos primeiros minutos, restou à Roma investir nos contragolpes dentro de sua própria casa. Estas descidas ao ataque se tornaram mais eficientes depois dos 22 do primeiro tempo, quando El Shaarawy teve problema muscular e deixou o campo para a entrada de Kluivert.

El Shaarawy costumar ser peça importante no time da Roma, mas, nesta terça-feira, sua saída deu mais liberdade para Kolarov pela esquerda. Aos 33, após Schick forçar Courtois a defender com os pés, o lateral surgiu de trás, pegou rebote com um chute de fora da área e quase acertou um golaço. Três minutos depois, o belga defendeu em dois tempos uma nova pancada de Kolarov.

Real tem dificuldade diante de bloqueio

De pé em pé, o Real começou levando a bola até Luka Modric. No entanto, o melhor jogador do planeta não conseguiu furar o eficiente bloqueio da Roma; nestas jogadas específicas, a equipe italiana parecia ter 20 atletas só no campo de defesa.

Este bloqueio só viria a ser furado por Bale no erro de Fazio, mas o time merengue já buscava o caminho antes do primeiro gol.

Porém, com o croata Modric bem marcado, restou ao Real insistir com outros nomes. Benzema tentou tabelar com Lucas Vázquez, mas o ponta espanhol não conseguiu devolver a bola de calcanhar.

Antes de abrir o placar, a melhor oportunidade do time merengue foi um chute do próprio Modric após ajeitada de Vázquez, mas Olsen tirou com o pé. Para a sorte da Roma, o goleiro não foi totalmente enganado por um desvio que mudou a trajetória da bola.

Totti no Hall da Fama

Alessandro Bianchi/Reuters

Antes da partida, Francesco Totti foi homenageado pelo Estádio Olímpico. O ídolo da Roma entrou no Hall da Fama do clube, recebeu uma camisa comemorativa e se emocionou com a torcida, que não voltou a fazer festa nesta noite.

FICHA TÉCNICA
ROMA 0 X 2 REAL MADRID

Data e hora: 27 de novembro de 2018, às 18h
Local: Estádio Olímpico, em Roma (Itália)
Árbitro: Clement Turpin (França)
Auxiliares: Nicolas Danos e Cyril Gringore (ambos da França)
Cartões amarelos: Zaniolo (Roma); Modric (Real)
Gols: Bale, a 1 minuto do segundo tempo, e Lucas Vázquez, aos 14 (Real)

ROMA: Olsen; Florenzi, Manolas, Fazio e Kolarov; Nzonzi (Coric), Cristante, Cengiz Under, Zaniolo (Karsdorp) e El Shaarawy (Kluivert); Schick
Técnico: Eusebio Di Francesco

REAL: Courtois; Carvajal, Sergio Ramos, Varane e Marcelo; Kroos, Llorente e Modric (Federico Valverde); Lucas Vázquez, Benzema (Mariano Díaz) e Bale (Asensio)
Técnico: Santiago Solari

UOL Cursos Online

Todos os cursos