Topo

Esporte


"Milagre" de Alisson e gol heroico de Lucas são exaltados na mídia europeia

Paul Ellis/AFP
Defesa "milagrosa" de Alisson salva o Liverpool de eliminação Imagem: Paul Ellis/AFP

Do UOL, em São Paulo

2018-12-12T04:00:00

12/12/2018 04h00

O Brasil foi protagonista da Liga dos Campeões mais uma vez na última terça-feira, na abertura da rodada decisiva da fase de grupos do torneio de clubes. Jogadores do país foram decisivos para as classificações de Tottenham, Liverpool e PSG, seja com gols ou defesas de alta dificuldade.

Confira os resultados e a classificação da Liga dos Campeões

Em quantidade, os brasileiros estão entre os primeiros da competição - dos 32 times da fase de grupos só três não têm jogadores do país (Borussia Dortmund, Viktoria Plzen e Young Boys). E na última terça também sobrou qualidade com Lucas Moura, Neymar, Marquinhos, Alisson e Felipe.

LUCAS MOURA BRILHA NO CAMP NOU

Clive Rose/Getty Images
Imagem: Clive Rose/Getty Images
O ex-meia-atacante do PSG conseguiu o que talvez tenha sido o gol mais importante da temporada do Tottenham até aqui. A equipe inglesa visitou o Barcelona e perdia por 1 a 0 (golaço de Ousmane Dembélé) até os minutos finais, em resultado que fazia o time de Londres perder a vaga nas oitavas para a Inter de Milão.

Lucas Moura entrou bem no jogo no segundo tempo e já havia exigido grande defesa de Jasper Cillessen. Aos 40min, o brasileiro se posicionou entre a marcação da área e conclui para as redes após a bela jogada de Harry Kane para a ponta. O empate dramático por 1 a 1 garantiu o Tottenham nas oitavas, já que a rival Inter Milão tropeçou em casa, ficando no 1 a 1 com o PSV.

"Gol contra o Barcelona, no Camp Nou, um grande momento. Acho que a equipe mereceu esse empate e mesmo uma vitória. Agora é um novo campeonato no mata-mata. Nossa equipe tem condições, veio aqui e jogou de igual para igual aqui contra o Barcelona. Por mais que não sejamos uma equipe favorita, acho que a gente pode surpreender", comentou Lucas em entrevista ao Esporte Interativo.

A atuação do brasileiro foi exaltada por veículos de imprensa da Inglaterra, como o "The Sun": "Lucas Moura saiu do banco para marcar o gol de empate aos 85 minutos e mandar os Spurs para o mata-mata".

LIVERPOOL DE ALISSON SOBREVIVE NO GRUPO DA MORTE

No Grupo C, o mais forte desta fase da Liga dos Campeões, PSG e Liverpool conseguiram a classificação na última terça-feira. Os franceses confirmaram a vaga em primeiro lugar da chave com a vitória por 4 a 1 sobre o Estrela Vermelha na Sérvia, com um belo gol de Neymar e outro do zagueiro Marquinhos.

Junto com Kylian Mbappé, Neymar e Marquinhos ficaram com as maiores notas do jogo na avaliação do jornal "Le Parisien": 7,5.

Já na Inglaterra, no confronto direto pela outra vaga, o Napoli ficou pelo caminho, mesmo tendo começado a rodada na liderança. O Liverpool venceu por 1 a 0, com golaço de Mohamed Salah ainda no primeiro tempo. Na etapa final, Alisson brilhou nos acréscimos e evitou o empate dos italianos - que resultaria na eliminação de seu time. O goleiro da seleção precisou sair debaixo das traves para fazer uma defesa difícil, cara a cara, no duelo com o polonês Arkadiusz Milik.

A versão online do jornal "The Guardian" qualificou a atuação de Alisson como heroica. Já o "Daily Mail" disse que o brasileiro "salvou o dia" com a defesa decisiva nos acréscimos. Nos vestiários, a atuação do goleiro foi exaltada pelo técnico Jurgen Klopp. "Se soubesse que ele era tão bom assim, eu pagaria o dobro (do que pagamos)", disse o alemão, que tratou a atuação do jogador como "espetacular". O goleiro custou 62,5 milhões de euros (cerca de R$ 276 milhões pelo câmbio atual).

Uma curiosidade deste grupo: o Liverpool avança às oitavas mesmo com três derrotas na fase de grupos, enquanto que o eliminado Napoli se despede perdendo só uma vez.

PORTO: FELIPE MARCA E CASILLAS ATINGE MARCA CENTENÁRIA

Murad Sezer/Reuters
Imagem: Murad Sezer/Reuters
No Grupo D, os times também entraram em campo na terça-feira com a situação de classificação já definida. Dono de uma das melhores campanhas da fase de grupos, o invicto Porto foi a Istambul e bateu o Galatasaray por 3 a 2. O brasileiro Felipe, ex-Corinthians, abriu o triunfo dos portugueses fora de casa com um gol de cabeça.

Com o resultado na Turquia, o veterano goleiro espanhol Iker Casillas, que por muitas temporadas defendeu o Real Madrid, atingiu a marca histórica de 100 vitórias na Liga dos Campeões.

Já o Schalke derrotou o Lokomotiv Moscou por 1 a 0 na como mandante. Os alemães, que estavam garantidos nas oitavas de final, avançam na segunda posição do grupo.

DORTMUND FICA COM 1º LUGAR EM GRUPO COM O ATLÉTICO

Com dois gols do português Raphael Guerreiro, o Borussia Dortmund bateu o Monaco por 2 a 0 fora de casa e assegurou a primeira colocação do Grupo A. Para isso, contou também com o tropeço do outro time classificado da chave.

Na Bélgica, o Atlético de Madri não conseguiu passar de 0 a 0 com o Brugge e, desta forma, vai às oitavas de final com o segundo lugar do grupo, podendo enfrentar times teoricamente mais fortes na primeira rodada do mata-mata.

#RolouNaLiga: Neymar marca e PSG se classifica na Liga

UOL Esporte

Mais Esporte