Topo

Esporte


Zagueiros brilham, e Atlético bate Juventus em "jogo quente" na Champions

Sergio Perez/Reuters
Gimenez comemora o primeiro gol do Atlético de Madri sobre a Juventus Imagem: Sergio Perez/Reuters

Do UOL, em São Paulo

2019-02-20T18:57:08

20/02/2019 18h57

Atlético de Madri e Juventus fizeram um jogo quente no primeiro duelo pelas oitavas de final da Liga dos Campeões. A partida de hoje parecia se encaminhar para um empate sem gols, mas a dupla de zaga do time espanhol apareceu para decidir. Com um gol de Giménez e outro de Godín, com direito a desvio em Cristiano Ronaldo, os colchoneros venceram por 2 a 0 no Wanda Metropolitano, em Madri.

As duas equipes voltam a se enfrentar no dia 12 de março, no Juventus Stadium, em Turim. Os espanhóis podem perder por um gol de diferença que mesmo assim se classificam às quartas de final.

Quem foi bem: Giménez e Godín

Giménez foi o primeiro a aparecer da dupla de zaga do Atlético de Madri. Ele fez bem seu papel na defesa do time espanhol e foi o responsável pelo primeiro gol do jogo no Wanda Metropolitano. Já Godín teve atuação semelhante e fez o gol que deu mais tranquilidade ao time espanhol.

Quem foi mal: Bonucci e Alex Sandro

Os dois falharam no primeiro gol do Atlético. Alex Sandro errou no tempo de bola após cobrança de escanteio, e Bonucci caiu na área reclamando de falta após choque com Giménez, que completou para o gol.

CR7 provoca torcida

Pierre-Philppe Marcou/AFP
Imagem: Pierre-Philppe Marcou/AFP

Os torcedores do Atlético de Madri provocaram Cristiano Ronaldo durante a partida, e o português respondeu. Ele mostrou os cinco dedos da mão direita em possível referência aos cinco títulos da Champions que conquistou, quatro deles pelo Real Madrid, com direito a duas finais contra o Atlético. Vale lembrar que Ronaldo também tem cinco Bolas de Ouro, o que poderia ser outro motivo de ter exibido a mão aberta à torcida.

Primeiro tempo lá e cá

As duas equipes criaram chances na primeira etapa, e a partida ficou bem equilibrada. Os donos da casa chegaram com Partey, que obrigou Szczesny a fazer defesa após chute da entrada da área. Já os visitantes assustaram com Cristiano Ronaldo, de falta, e Bonucci, de cabeça. Oblak defendeu a primeira e viu a bola sair por pouco na segunda oportunidade. 

VAR anula pênalti

REUTERS/Juan Medina
Imagem: REUTERS/Juan Medina

Aos 27 minutos, o juiz Felix Zwayer marcou pênalti em Diego Costa, mas o árbitro de vídeo (VAR) orientou a marcação de falta fora da área. Na cobrança, Griezmann bateu forte, e Szczesny espalmou.

VAR aparece de novo em gol de Morata

Aos 24 minutos do segundo tempo, Filipe Fluís cruzou, e Morata escorou de cabeça para o gol, mas os jogadores da Juventus reclamaram de empurrão em Chiellini. O árbitro assistiu ao lance na beira do gramado e anulou o gol do Atlético de Madri.

Zagueiros brilham e decidem

Coube à dupla de zaga decidir para o Atlético de Madri. Giménez abriu o placar após sobra na área aos 32 minutos. Já aos 37, em jogada parecida, foi a vez de Godín contar com desvio em Cristiano Ronaldo e fazer o segundo.

Simeone faz gesto obsceno

Empolgado após o primeiro gol do Atlético, o técnico Diego Simeone exagerou na comemoração e fez um gesto obsceno em direção às arquibancadas do estádio.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO DE MADRI 2 X 0 JUVENTUS

Data e hora: 20 de fevereiro de 2019, às 17h (de Brasília)
Local: Wanda Metropolitano, em Madri (Espanha)
Árbitro: Felix Zwayer (Alemanha)
Assistentes: Thorsten Schiffner e Marco Achmüller (ambos da Alemanha)
Gols: Giménez, aos 32 do 2º tempo; Godín, aos 37 do 2º tempo

ATLÉTICO DE MADRI: Oblak; Juanfran, Giménez, Godín e Filipe Luís; Partey (Lemar), Rodri, Saúl e Koke (Correa); Griezmann e Diego Costa (Morata).
Técnico: Diego Simeone

JUVENTUS: Szczesny; De Sciglio, Bonucci, Chiellini e Alex Sandro; Pjanic (Emre Can), Bentancour e Matuidi (Cancelo); Dybala (Bernardeschi), Mandzukic e Cristiano Ronaldo
Técnico: Massimiliano Allegri

Mais Esporte