UOL Esporte Campeonato Mineiro
 
11/02/2010 - 11h56

Tardelli quer reencontrar caminho do gol contra sua "principal vítima"

Gustavo Andrade
Em Belo Horizonte

Neste início de temporada, Diego Tardelli não tem conseguido repetir o bom desempenho do ano passado. Enquanto em 2009, nas três primeiras partidas pelo Campeonato Mineiro, o camisa 9 marcou quatro gols, neste ano ele balançou as redes apenas uma vez. O atacante tem, no entanto, bons motivos para crer que poderá retomar o caminho do gol na próxima rodada.

No sábado, Diego Tardelli reencontrará a sua “principal vítima” do Estadual de 2009. Na primeira fase da última edição, ele marcou duas vezes contra o Uberaba, em vitória por 4 a 1 no Mineirão. Já nas quartas-de-final, o camisa 9 balançou as redes da equipe do Triângulo Mineiro três vezes em goleada por 6 a 0, no estádio da Pampulha.

Apesar do volume de gols contra o Uberaba, Tardelli nega que tenha motivação especial para marcar contra o adversário deste sábado, no Uberabão. “Não tenho nada contra, mas é o meu papel. Acho que era o momento que eu vivia, quem sabe eu possa curtir de novo”, afirmou.

Para Tardelli, a falta de gols está ligada ao calendário do futebol mineiro. Ele acredita que a disputa de jogos apenas nos finais de semana o tem prejudicado quanto ao ritmo de jogo.

“Foram apenas três jogos, a equipe está se entrosando. Acho que o calendário mineiro atrapalhou um pouco os nossos jogos, porque a gente leva a semana toda para jogar, enquanto outros clubes, em outros estados, já estão na reta final, como no Rio, que se divide em duas partes, mas já está na semifinal”, avaliou.

“Se os jogos fossem domingo e quarta, até poderia ser melhor o rendimento físico nosso em campo, a qualidade. Você sente a vontade de querer jogar logo e temos de esperar de domingo a domingo. Isso acaba chateando um pouco por não estar jogando sempre. Mas os gols vão sair, tem tempo ainda”, acrescentou o atacante.

Contra o Uberaba, o Atlético disputará sua primeira partida longe do Mineirão pelo Estadual. Diego Tardelli vê no jogo no Triângulo Mineiro uma oportunidade para a equipe superar a pressão da própria torcida que tem marcado os jogos em casa.

“Se vencermos, ganhamos confiança, ganhamos mais motivação. Acho que é importante jogar fora de casa, sair um pouco da pressão da torcida. Eu tenho certeza que essa vitória virá, porque a equipe vem crescendo. Os erros em casa acabam deixando a gente um pouco nervosos com a pressão da torcida, com as vaias. Saindo um pouquinho e trazendo a vitória é importante”, observou o atacante.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host