UOL Esporte Campeonato Mineiro
 
20/02/2010 - 10h05

Tardelli responsabiliza mudança de função pela escassez de gols no ano

Bernardo Lacerda
Em Vespasiano (MG)
  • Diego Tardelli associa dificuldade em marcar gols à mudança de função no Atlético-MG no início do ano

    Diego Tardelli associa dificuldade em marcar gols à mudança de função no Atlético-MG no início do ano

O atacante Diego Tardelli “culpou” a nova função tática no Atlético-MG pela escassez de gols no começo da temporada. O atacante balançou as redes apenas uma vez em 2010, bem diferente da temporada passada.

“Este ano estou atuando de uma maneira diferente, uma função diferente da que eu fiz no ano passado com o Celso Roth. Ainda estou me adaptando a esta nova forma de jogar com o Vanderlei”, disse Diego Tardelli.

Com a escalação de três atacantes, como aconteceu diante do Ipatinga e do Uberaba, Diego Tardelli vem sendo cobrado por Luxemburgo para que atue um pouco mais recuado, voltando até o meio de campo para ajudar na criação de jogadas.

“Estou voltando mais agora, ajudando também na marcação. Então é uma maneira nova de jogar e ainda estou me adaptando a isso. Mas já venho me sentindo melhor nos jogos, mais entrosado”, comentou Tardelli, que balançou as redes adversárias apenas na vitória sobre o Tupi, por 3 a 2.

No Estadual do ano passado, Diego Tardelli teve um começo animador, já que nos primeiros quatro jogos do Atlético-MG havia chegado às redes adversárias por seis vezes. Na edição atual do Mineiro, no entanto, o atacante vem enfrentando dificuldades e só marcou um gol, ainda sim de pênalti.

Pelo Campeonato Mineiro de 2009, Tardelli passou em branco na estreia contra o América-MG, no empate, em 0 a 0. A partir daí, no entanto, nas três partidas seguintes, Tardelli balançou as redes seis vezes, ou seja, marcou dois gols em cada jogo.

Na atual temporada, o posto de artilheiro do Atlético está entregue ao atacante Muriqui, que fez três gols. E o reforço ganha apoio de Tardelli, que se disse contente com as boas atuações do companheiro de ataque.

“Este ano não comecei fazendo os gols, mas o Muriqui está marcando, é o artilheiro do Atlético. Não tenho problema com isso, quero ajudar o time, seja marcando gols ou não”, comentou Diego Tardelli, que poderá fazer as pazes com o gol diante do rival Cruzeiro, no clássico do próximo sábado.

 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host