UOL Esporte Campeonato Mineiro
 
19/03/2010 - 20h16

De volta após 3 jogos fora, Gilberto quer sequência no Cruzeiro

Gustavo Andrade
Em Belo Horizonte
  • Recuperado de contusão, Gilberto quer reconquistar espaço no time

    Recuperado de contusão, Gilberto quer reconquistar espaço no time

Afastado dos últimos três jogos do Cruzeiro em função de uma lesão na panturrilha direita, o meia Gilberto voltará à equipe neste sábado, contra o América-TO, no Mineirão. Em boas condições físicas e com o fim de suspensão de dois jogos na Copa Libertadores, ele espera recuperar a condição de titular e ganhar uma sequência na equipe.

O retorno à equipe acontece na reta final da primeira fase do Campeonato Mineiro e em jogos decisivos da Copa Libertadores. “É bom participar desse tipo de jogo, o atleta gosta. No meu caso não é diferente, até porque este início de temporada sempre é complicado para o Cruzeiro, porque disputa várias competições e o Adilson tem sempre que mesclar jogador”, afirmou.

Gilberto sofreu uma pancada na panturrilha direita na derrota para o Tupi por 3 a 2, em Juiz de Fora, no dia 7 de março. Ele desfalcou a equipe nos jogos contra o Deportivo Italia, pela Copa Libertadores, diante do América-MG, pelo Campeonato Mineiro, e também no amistoso contra a África do Sul, na quarta-feira.

Nesta quinta-feira, Gilberto participou de jogo-treino contra a seleção da África do Sul, na Toca da Raposa II. O meia destacou que não sente mais dor. “Treinei hoje (sexta-feira) e participei do jogo-treino contra a África do Sul ontem (quinta-feira). Pude me movimentar bem. Não tenho mais nenhum incômodo na panturrilha direita, então é voltar a jogar e dar uma sequência com a camisa do Cruzeiro”, afirmou.

Embora estivesse contundido, Gilberto já não poderia enfrentar o Deportivo Itália, pois cumpria o segundo jogo da suspensão recebida por ter sido expulso na derrota contra o Vélez Sarsfield, em Buenos Aires, na primeira rodada da fase de grupos da competição internacional.

A suspensão o impediu de ter a sequência de jogos que desejava no início da temporada. “Por conta das minhas suspensões, eu quase não vinha atuando. Queria jogar, mas estava suspenso. Quando voltava era um jogo fora pelo Campeonato Mineiro. Agora não. Terei uma sequência maior de jogos e é bom, mesmo que seja numa situação como essa”, destacou.

No período em que ele esteve afastado, Roger ganhou espaço na equipe titular. Para Gilberto, a decisão se ele poderá jogar ao lado do companheiro no meio-campo depende apenas da aprovação do técnico Adilson Batista.

O CRUZEIRO NO TWITTER

“O Adilson que vai decidir. Se dá para jogar, só na partida em que o treinador entender que eu e Roger temos de jogar juntos para ajudar a equipe. Se tiver oportunidade, os dois vão procurar fazer o melhor para o Cruzeiro vencer”, observou.

Para a partida deste sábado, Adilson já adiantou que escalará apenas um dos meias, mas não indicou quem será o escolhido. Gilberto jogou ao lado de Roger apenas na derrota para o Tupi. No entanto, naquela partida, ele atuou na lateral esquerda.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host