Atlético-MG coloca preço em Lucas Pratto e ida para a China está próxima

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro

    Pratto tem acerto encaminho com clube chinês e aguarda liberação do Atlético-MG

    Pratto tem acerto encaminho com clube chinês e aguarda liberação do Atlético-MG

Alvo do Hebei China Fortune, Lucas Pratto pode deixar o Atlético-MG a qualquer momento. O jogador já chegou a um acordo com o clube chinês e aguarda apenas que a equipe asiática se acerte com o atual detentor de seus direitos. Depois de rejeitar três ofertas dos chineses, a última delas de 16 milhões de euros (cerca de R$ 69 milhões), o Atlético topou colocar um valor por seu artilheiro.

Para tirar Lucas Pratto da Cidade do Galo o Hebei Fortune vai ter de gastar 20 milhões de euros (aproximadamente R$ 87 milhões), como apurou o UOL Esporte. Esse é o valor que a direção alvinegra entende como aceitável para perder seu principal jogador às vésperas da Copa Libertadores. Com o clube chinês fez três ofertas diferente, a expectativa é que o valor pedido seja oferecido muito em breve.

Caso a negociação se concretize, vai ser a maior da história do futebol mineiro em Reais. Superando os cerca de R$ 75 milhões que o Atlético recebeu por Bernard, negociado com o Shakhtar Donetsk, em agosto de 2013. Para contratar Lucas Pratto em dezembro de 2014, o clube alvinegro gastou cerca de R$ 13 milhões, quase sete vezes menos do que pede pelo atacante neste momento. O Atlético é dono de 80% dos direitos e ficaria com cerca de R$ 69,6 milhões. O restante é do Vélez Sarsfield, da Argentina.

O desejo da diretoria do Atlético era não negociar Lucas Pratto, tanto que o clube optou por liberar o zagueiro Jemerson, negociado com o Monaco, da França, assim como Giovanni Augusto, vendido para o Corinthians. Somente essas vendas foram suficientes para deixar a situação financeira do Atlético estável para os próximos meses. Transações que renderam pouco menos de R$ 50 milhões.

No entanto, diante de valores tão elevados oferecidos pelo Hebei Fortune, a direção alvinegra entende que é impossível segurar Lucas Pratto por mais tempo. Para o jogador, por exemplo, o contrato oferecido prevê um ganho quase cinco vezes maior do que o atual, como apurou o UOL Esporte. E Pratto já tem um dos maiores salários no elenco do Atlético.

"O presidente (Daniel Nepomuceno me passou que o jogador vai ficar até junho. Mas ele falava o mesmo sobre o Jemerson e teve de vender. Mas no futebol é assim, tem coisas que não podemos assegurar. É esperar para ver o que acontecer", comentou o técnico Diego Aguirre, que inclusive já avalia opções para repor a saída do centroavante.

"Estamos trabalhando muito, com opções possíveis se alguma coisa acontecer. Isso para não ficarmos desprotegidos e não sermos surpreendidos", completou o treinador uruguaio.

Para tentar manter Lucas Pratto, o Atlético apelou para algumas estratégias, como usar a nova fornecedora de material esportivo do clube. Caso o jogador não seja negociado até 26 de janeiro, ele vai ter um reajuste salarial, já que vai ser garoto-propaganda da camisa para a temporada 2016. Além disso, uma renovação contratual não está descartada.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos