Títulos internacionais e experiência fazem Galo contratar goleiro Lauro

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Site do Atlético-MG

    A última vez que Lauro enfrentou o Atlético-MG foi em 2013, quando defendia a Portuguesa

    A última vez que Lauro enfrentou o Atlético-MG foi em 2013, quando defendia a Portuguesa

Especulado nos últimos dias como uma opção para suprir as ausências de Victor e Giovanni, que estão no departamento médico, o goleiro Lauro foi confirmado pelo Atlético-MG como reforço para a sequência do Campeonato Mineiro e da Copa Libertadores. O jogador de 35 anos chega para ser uma opção de experiência para Diego Aguirre, que no momento conta apenas com o jovem Uilson para a disputa do torneio continental. Sua apresentação oficial será na tarde desta quarta.

Experiência é o que não falta para Lauro, que tem muitas histórias para contar ligadas ao futebol. Embora a passagem recente pelo Lajeadense possa ser marcada pelo rebaixamento no Campeonato Gaúcho, sua equipe anterior precisa vencer os dois últimos jogos para evitar a queda, o goleiro tem títulos no currículo e dois deles em competições da Conmebol, ambos com o Internacional.

Em 2008, meses depois de sair do Cruzeiro, Lauro foi titular da equipe colorada na conquista da Copa Sul-Americana. O goleiro teve atuações de destaque na inédita conquista do Internacional. Em 2010 outra grande conquista com o Inter, a Copa Libertadores. Lauro não era titular, mas fazia parte do elenco.

A função do goleiro é evitar gols. Mas Lauro também sabe fazer gols. Nada de cobranças de falta ou pênalti. Em duas oportunidades, curiosamente sempre contra o Flamengo, o goleiro marcou de cabeça. Os gols aconteceram por Ponte Preta (2003) e Portuguesa (2013). Nas duas ocasiões Lauro garantiu o empate para suas respectivas equipes.

Agora jogador do Atlético, Lauro aumenta a lista de ex-cruzeirenses que mudaram de lado nos últimos anos. Com o goleiro a lista sobe para 34, considerando apenas as contratações neste século. A passagem pela Toca da Raposa foi de duas temporadas, mas com apenas dez partidas disputadas.

E Lauro foi titular do Cruzeiro por um curto período logo após um clássico com o Atlético. Na decisão do Mineiro de 2007, no primeiro jogo, o time alvinegro venceu por 4 a 0. Partida que ficou marcada com o gol do atacante Vanderlei, aproveitando que o goleiro Fábio estava de costas para o campo. Após o jogo, o titular do Cruzeiro teve constata uma lesão no joelho esquerdo.

Lauro foi o escolhido para assumir a posição com a ausência de Fábio. Mas o período no gol cruzeirense foi curto. Lauro foi titular no clássico seguinte, ainda pela decisão do Mineiro, e nas primeiras quatro rodadas do Brasileirão. Depois ele não jogou mais, por opção de Dorival Júnior, que escalou Gatti até o retorno de Fábio.

O contrato de Lauro com o Atlético vai ser até dezembro. O jogador vai estar na Cidade do Galo, já nesta quarta-feira, para iniciar os treinos, visando o jogo da próxima semana, contra o Independiente Del Valle, pelo grupo 5 da Libertadores. Caso seja regularizado até sexta-feira, Lauro pode ser relacionado por Diego Aguirre para o duelo com o Villa Nova, pela 10ª rodada do Campeonato Mineiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos