Com ajuda de células-tronco, Atlético-MG tenta acelerar retorno de Luan

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • IVAN ALVARADO / REUTERS

    Luan segue sem previsão de retorno aos gramados

    Luan segue sem previsão de retorno aos gramados

Uma lesão crônica no joelho direito deve tirar Luan do restante da temporada. Já é certo que o meia-atacante do Atlético-MG não joga nos próximos meses, informação confirmada pelo médico do clube e da seleção brasileira, Rodrigo Lasmar. No entanto, a situação de Luan é bastante complicada.

Como o problema no joelho também é genético, pela formação, o jogador do Atlético esteve nos Estados Unidos, no último final de semana, para fazer exames complementares. Luan e Rodrigo Lasmar estiveram em Nova Iorque e Chicago.

"Fomos para os Estados Unidos e chegamos pela manhã (quarta-feira), fomos dois dos centros mais avançados de ortopedia do mundo. O objetivo era fazer exames mais detalhados, avaliações mais completas. Tínhamos uma opinião, mas de qualquer maneira era importante trocar informações e ter outras opiniões. Tudo para fazer o melhor para o jogador", explicou o médico do Atlético, que vai fazer uma artroscopia no joelho de Luan nesta quinta-feira.

Como a lesão de Luan é agravada pela condição genética, o atleta tem os joelhos para dentro, é preciso muita dedicação na fisioterapia e no tratamento. Para tentar acelerar o retorno de Luan, que segue sem prazo definido, o departamento médico do Atlético vai usar um tratamento com células-tronco.

"São tratamentos que vão ajudar, não são o único motivo de recuperação, mas podem ajudar. Entre eles o tratamento com celular troco, aplicadas no joelho. Para melhorar a condição do retorno, o mais rápido e nas melhores condições possíveis"

 Aos 25 anos, Luan está no Atlético desde 2013. Campeão da América, da Copa do Brasil e da Recopa, o atacante que virou meia e já atuou até de volante logo caiu nas graças da torcida. De reserva e talismã do time campeão da América, Luan foi fundamental na conquista da Copa do Brasil sobre o Cruzeiro e do vice-campeonato nacional em 2015.

Mas há algum tempo o jogador vem atuando com dores. Na derrota por 3 a 2 para o Independiente Del Valle, no Equador, Luan teve uma atuação muito abaixo do que costuma apresentar. Então, ficou claro que era o momento de parar e tratar o jogador.

Problemas no menisco e na cartilagem do joelho direito de Luan não são novidades. Em janeiro de 2014 o atleta foi operado no local e ficou fora dos primeiros seis meses da temporada. O camisa 27 do Atlético só retornou aos gramados após a Copa do Mundo. Até por isso, o caso recebe atenção redobrada de todo o departamento médico do clube.

Cirurgia é um sucesso
Luan realizou uma artroscopia no joelho direito na manhã desta quinta-feira (21). A cirurgia foi bem-sucedida e o meia-atacante iniciará o trabalho de recuperação somente na próxima semana na Cidade do Galo. Após a operação, o dono da camisa 23 foi liberado para repouso em sua residência.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos