América repete 2012, elimina o Cruzeiro e vai à final mineira

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

Cruzeiro e América voltaram a se encontrar pela semifinal do Campeonato Mineiro. Com a derrota por 2 a 0 no jogo da ida, o clássico ganhou uma alta dose de pressão para o time celeste, que jogava pela sobrevivência da equipe e do técnico Deivid, bastante questionado no cargo. Mas a vantagem construída no Independência foi crucial para o Coelho encaminhar a vaga para a final. Em um jogo com poucas emoções reais de gol, o empate de 0 a 0 garantiu a equipe alviverde na decisão do Mineiro de 2016.

Com o resultado, o América repete o feito de 2012, elimina o Cruzeiro na semifinal e vai decidir o título mineiro deste ano com o Atlético, que se classificou no sábado, vencendo a URT no Independência. Já o Cruzeiro, repete a temporada de 1964, quando passou dois anos seguidos de fora de uma decisão estadual. As partidas da finalíssima serão disputadas nos dias 1º e 8 de maio.

CRUZEIRO 0x0 AMÉRICA-MG

Motivo: Jogo de volta, semifinal do Campeonato Mineiro 2016
Data/Hora: 24/04/2016, às 16h
Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Igor Júnio Benevenuto
Assistentes: Sidimar dos Santos Meurer e Magno Arantes Lira

GOLS: - - -
Cartões amarelos: Ariel Cabral, Willian, Pisano,Rafael Silva (CRU); Osman, Pablo, Bryan, Victor Rangel (AME)
Cartão vermelho: Não teve.
Público/Renda: 35.214 presentes/R$663.766,00.

CRUZEIRO: Fábio; Henrique, Bruno Viana, Bruno Rodrigo e Fabrício; Federico Gino, Ariel Cabral (Rafael Silva - 11'2ºT), Élber e Alisson (Allano - 29'2ºT); De Arrascaeta (Matías Pisano - 23'2ºT) e Willian. Técnico: Deivid.

AMÉRICA: João Ricardo; Pablo, Alison, Sueliton e Bryan; Leandro Guerreiro, Claudinei, Tony e Rafael Bastos (Ernandes - 6'2ºT); Osman (Danilo - 38'2ºT) e Victor Rangel. Técnico: Givanildo Oliveira.

Fases do jogo

  • Primeiro tempoJogo quente na temperatura e na intensidade dentro de campo. Os dois cartões com menos de cinco minutos exemplificaram o clima tenso, pegado e nervoso. Aos 12, Bruno Rodrigo teve um gol legal mal anulado. No lance seguinte, Victor Rangel reclamou de falta na entrada da área não marcada pela arbitragem. Com mais posse de bola, o Cruzeiro foi claramente melhor, empurrou o adversário para o campo de defesa e não deixou o rival respirar. Porém, esbarrou nos mesmos erros das partidas anteriores e não conseguiu traduzir o volume de jogo em gols. Quando conseguiu ficar com a bola, o Coelho desceu com velocidade, mas pouco ameaçou o gol de Fábio.
  • Segundo tempoPrecisando de pelo menos dois gols, Deivid não esperou dez minutos para colocar o Cruzeiro totalmente para cima, sacando o volante Cabral e promovendo o artilheiro Rafael Silva. Mas a estratégia não mudou nos minutos seguintes e o desespero começou a bater na porta. Ligações diretas, lançamentos mal feitos e erros de passes mexeram com a paciência do torcedor, que começou a descontar nas vaias e xingamentos para os jogadores, Deivid e o presidente Gilvan. A melhor chance celeste aconteceu na finalização na trave de Fabrício, a menos de dez minutos do fim. No entanto, a desorganização para atacar cedia os espaços que o América queria para cozinhar o jogo e deixar o tempo passar. E passou. Com ele, veio o empate sem gols e a classificação alviverde para a final do estadual. 0 a 0 placar final.

Destaques

  • Indisposição estomacal tira dois titularesNa volta da partida contra o Campinense, no meio de semana, quatro atletas do Cruzeiro apresentaram uma indisposição estomacal: Rafael, Pisano, Léo e Lucas Romero. Os dois últimos eram titulares, mas ficaram apenas no banco de reservas.
  • Rivalidade só dentro de campoFora do Mineirão, cruzeirenses e americanos circulavam normalmente de forma pacífica e nenhum indício de confusão entre as torcidas.

Melhor em campo

  • João Ricardo, do AméricaNão foi muito exigido, mas quando o América precisou, mostrou trabalho, fechou o gol e não levou sustos.

Próximos Jogos - Cruzeiro

  1. Cruzeiro CRU
    Grêmio GRE
  2. Cruzeiro CRU
    Santos SAN
  3. Cruzeiro CRU
    Grêmio GRE
  4. Chapecoense CHA
    Cruzeiro CRU
  5. Cruzeiro CRU
    Bahia BAH

Próximos Jogos - América-MG

  1. Paysandu PAY
    América-MG AMG
  2. Ceará CEA
    América-MG AMG
  3. América-MG AMG
    Vila Nova-GO VNO
  4. Internacional INT
    América-MG AMG
  5. América-MG AMG
    Oeste OES

UOL Cursos Online

Todos os cursos