Patric perde espaço no Atlético-MG e deve ser emprestado ao Vitória

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini / Atlético MG

    No Brasileiro de 2016, Atlético e Vitória empatara em 1 a 1 e Patric fez o gol do time mineiro

    No Brasileiro de 2016, Atlético e Vitória empatara em 1 a 1 e Patric fez o gol do time mineiro

Patric é lateral direito, mas no Atlético-MG já atuou em várias posições. Meia, ponta, pela direita e até pela esquerda, e também como lateral esquerdo. O camisa 29 já fez de tudo um pouco na Cidade do Galo. Mas com o técnico Roger Machado, o prestígio não é o mesmo da época de Levir Culpi, Diego Aguirre e Marcelo Oliveira. Sem espaço e nenhum jogo em 2017, Patric deve ser emprestado ao Vitória.

Em 2016, Patric começou o ano como um dos jogadores mais utilizados por Aguirre. Fez gols na fase de grupos da Copa Libertadores e recebeu agradecimento público do presidente do clube, Daniel Nepomuceno. Um ano depois, a situação do lateral direito não é das melhores. Dos cinco jogos do Atlético em 2017, Patric foi relacionado somente uma vez, para o clássico com o Cruzeiro.

Sem jogar e considerado por Roger Machado como a terceira opção para o setor, atrás de Marcos Rocha e Carlos César, Patric negocia com o Vitória e deve reforçar a equipe baiana até o fim da temporada 2017. Contratado pelo clube mineiro em 2011, o lateral direito não foi muito feliz nos primeiros meses e rodou por empréstimo em algumas equipes do país, como Náutico, Coritiba e Sport.

O retorno ao Atlético aconteceu em 2015, por decisão do técnico Levir Culpi. No total, Patric tem 102 jogos com a camisa alvinegra e dez gols marcados. O lateral direito tem vínculo com o clube mineiro até o final de 2018. Recentemente, o Botafogo mostrou interesse em contar com o jogador atleticano, também por empréstimo, mas a negociação não avançou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos