Mano Menezes crê que omissão do Cruzeiro permitiu empate da URT

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Washington Alves/Light Press/Cruzeiro

    Mano Menezes lamenta atuação do Cruzeiro

    Mano Menezes lamenta atuação do Cruzeiro

Mano Menezes identificou o que foi preponderante para o empate do Cruzeiro diante da URT, neste sábado (18), pela quarta rodada do Campeonato Mineiro. O treinador crê que a omissão da equipe foi preponderante para o resultado no estádio Zama Maciel, em Patos de Minas

O técnico gaúcho acredita que, após o gol de pênalti feito por Ramón Ábila, os seus comandados se omitiram do confronto, o que permitiu o empate da equipe interiorana na partida deste fim de semana.

"Tivemos dificuldade de levar essa bola com mais qualidade à frente. Era difícil levar do jeito que a gente tem característica de levar. Fizemos um gol de pênalti e, na minha opinião, cometemos nossa maior falha. Nós nos omitimos de jogar por 10 minutos do jogo, dando chutão. Se demos chutão, o adversário terá chances e acabou fazendo o gol", afirmou.

"Depois do jogo, a gente tem umas dez teorias. Principalmente quando não funciona, a gente tem alguma coisa. Faltou qualidade na criação de jogadas. Você tem que criar as jogadas, chegar à frente e definir. Isso, logicamente, aponta para um desempenho não tão bom como os outros", completou.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos