Mano elogia torcida e time após triunfo: "tínhamos obrigação de vencer"

Do UOL, em Belo Horizonte

  • André Yanckous/AGIF

    O técnico Mano Menezes durante o jogo entre Cruzeiro e Tupi

    O técnico Mano Menezes durante o jogo entre Cruzeiro e Tupi

Público de Copa Libertadores numa estreia de Campeonato Mineiro. A boa presença da torcida do Cruzeiro no triunfo por 2 a 0 sobre o Tupi foi um dos destaques da noite. Foram mais de 42 mil presentes numa quarta-feira à noite com transmissão direta para Belo Horizonte. Motivo para o técnico Mano Menezes elogiar a torcida.

Até pelo fato de o Mineirão receber um grande público num duelo com uma equipe do interior, Mano Menezes admitiu que o Cruzeiro entrou em campo com a obrigação de vencer o Tupi.

"Tínhamos obrigação de vencer e ainda conseguimos jogar bem. O que não é muito fácil quando se tem apenas 14 dias de treinamento. Fizemos 2 a 0 e criamos pelo menos outras dez oportunidades claras. Isso tem a ver com a base que foi mantida, com uma ideia de trabalho, com apenas modificações e a qualidade dos jogadores, que é indiscutível".

A maneira como o Cruzeiro atuou foi para deixar animado o torcedor. Em uma temporada que muito se espera do time, que reforçou para brigar pelo terceiro título da Copa Libertadores da América, a boa apresentação diante do Tupi, com poucos dias de trabalho, é para alegrar, mas não para empolgar, como disse o técnico Mano Menezes.

"Foi um bom jogo, mas ainda é cedo para empolgar.  Os adversários vão nos estudar ainda. Agora temos jogo observados, como posicionamos a equipe, por exemplo. Mas vamos ter variações no time. Saímos felizes, mas vamos com calma, sem empolgação, pois o caminho é longo".

O próximo compromisso do Cruzeiro pelo Campeonato Mineiro é contra a Caldense, neste sábado, às 21h30, no Estádio Ronaldão, em Poços de Caldas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos