Fred desencanta, Cruzeiro vira partida e reassume liderança do Mineiro

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Sergio Roberto Oliveira/Light Press

    Atacante fez o gol de empate que deu início à reação do Cruzeiro contra o Tombense

    Atacante fez o gol de empate que deu início à reação do Cruzeiro contra o Tombense

Em seu quarto jogo com a camisa do Cruzeiro, o atacante Fred finalmente conseguiu marcar seu primeiro gol após retornar à equipe. Neste sábado (27), o camisa 9 deixou sua marca contra o Tombense, no estádio Ipatingão, e deu início à reação celeste, que venceu de virada por 2 a 1.

O primeiro gol da partida foi marcado por Daniel Amorim, pouco antes do intervalo. Na etapa final, Fred deixou tudo igual e Rafinha virou a partida.

Minutos antes do confronto no Ipatingão, o América venceu o Boa Esporte no Independência. Com isso, o Cruzeiro recuperou a liderança do Campeonato Mineiro, agora com os mesmos 10 pontos que o Coelho, mas superior no saldo de gols. Na semana que vem, as equipes se enfrentam no Mineirão.

O melhor: Rafinha protagoniza melhores jogadas e marca mais um

Em ótima fase neste início de ano, Rafinha foi mais uma vez a principal arma do Cruzeiro. Além de contribuir defensivamente com a recomposição tática, o atacante participou das melhores ações ofensivas, sempre pelo lado direito do campo. No segundo tempo, recebeu um lançamento perfeito de Ariel Cabral e foi o responsável por virar a partida, devolvendo a liderança do estadual para o Cruzeiro e marcando pela quarta vez no estadual.

Gramado ruim dificulta a vida dos jogadores

As equipes não produziram o suficiente para dar grandes emoções ao torcedor, principalmente na primeira etapa. Mas parte da produção aquém do esperado pode ser explicada pela condição ruim do campo, duro, com muita areia e deixando a bola viva a todo momento. Adepto do toque de bola, o Cruzeiro sofreu com as condições do terreno e precisou mudar sua maneira de atacar, variando ataques terrestres com bolas alçadas na área.

Emoções do primeiro tempo ficam para o final

A etapa inicial começou com um ritmo de frio para morno e só melhorou a partir dos 30 minutos. O Cruzeiro teve bons momentos com Rafinha, mas só agrediu com perigo em um chute de Thiago Neves e na cabeçada de Fred. Apesar de levemente superior, a Raposa foi castigada já quase nos acréscimos. Marcando muito bem, o Tombense só havia chegado com perigo em uma oportunidade, mas foi para o intervalo em vantagem após o chute rasteiro de Daniel Amorim, sem chances para Fábio.

Fred insiste e balança as redes pela primeira vez

Pivô do impasse envolvendo os rivais Atlético-MG e Cruzeiro sobre sua multa rescisória de R$10 milhões, o atacante Fred deixou o extracampo de lado e desencantou com a camisa celeste. O camisa 9 não recebeu tantas bolas, mas saiu da área com frequência e procurou participar das jogadas. Sua melhor chance no primeiro tempo foi em uma cabeçada aos 39 minutos, bloqueada pelo zagueiro David abaixo das traves. Pouco depois de iniciada a etapa final, o artilheiro subiu bem no cruzamento de Arrascaeta e deu início à nova era de gols pela Raposa.

Cruzeiro pressiona por virada e volta ao topo do Mineiro

Após o gol de Fred, o Cruzeiro colocou fogo no Ipatingão. O Tombense não deixou de buscar o ataque, deixando o jogo aberto e com boas oportunidades para a Raposa atacar. A virada quase veio com Thiago Neves, finalizando ao lado da trave. No terço final do jogo, Robinho, Sóbis e Raniel entraram em campo, mas quem roubou a cena foi Rafinha. Em um lançamento primoroso de Ariel Cabral, o meia ganhou do goleiro, virou o jogo e devolveu a liderança à Raposa. De quebra, Rafinha ainda marcou seu quarto gol no ano e se consolidou como artilheiro do estadual. 2 a 1 placar final.

TOMBENSE 1x2 CRUZEIRO

Motivo: 4ª rodada, Campeonato Mineiro
Data/Hora: 27/01/2018, às 19h (de Brasília)
Local: Estádio Ipatingão, em Ipatinga (MG)
Árbitro: Cleisson Veloso Pereira.
Assistentes: Marcus Vinicius Gomes e Marcyano da Silva Vicente.

GOLS: Daniel Amorim, 45'1ºT (1-0); Fred, 6'2ºT (1-1); Rafinha, 30'2ºT (1-2)
Cartões amarelos: PH, Wellington, Cássio, Caio César (TOM); Ariel Cabral, Robinho (CRU)
Cartão vermelho: Não teve.

TOMBENSE: Darley; David, Wellington Carvalho, Anderson e Bruninho; PH, Natan (Everton, 12'2ºT) e Caio César (Maycon, 40'2ºT); Cássio, Flávio (Luiz Fernando, 26'2ºT) e Daniel Amorim. Técnico: Ramon Menezes.

CRUZEIRO: Fábio; Edílson, Léo, Murilo e Egídio; Ariel Cabral, Bruno Silva; Thiago Neves (Rafael Sóbis, 34'2ºT), Rafinha, Arrascaeta (Robinho, 28'2ºT); Fred (Raniel, 37'2ºT). Técnico: Mano Menezes.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos