Atlético-MG vence o Tombense e vai ter vantagem na próxima fase do Mineiro

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Pedro Vale/AGIF

    O volante Arouca em ação na partida entre Atlético-MG e Tombense

    O volante Arouca em ação na partida entre Atlético-MG e Tombense

Com Cruzeiro e América-MG classificados como primeiro e segundo colocados, respectivamente, restava ao Atlético-MG terminar na terceira colocação nesta etapa do Campeonato Mineiro e garantir vantagem nas quartas de final. E foi o que fez o Galo, que venceu por 1 a 0, com gol de Danilo, de pênalti.

O Atlético vai enfrentar a URT, na próxima fase. A vantagem alvinegra é apenas de jogar como mandante. O jogo vai ser disputado no próximo final de semana. Data e horários vão ser confirmados pela Federação Mineira de Futebol nesta segunda-feira.

Danilo gosta de fazer gols no Tombense

Dos quatro gols que Danilo tem com a camisa do Atlético, três foram marcados diante do Tombense. Os dois primeiros no Mineiro do ano passado, no triunfo atleticano por 3 a 0. Neste domingo o Galo venceu por 1 a 0, com Danilo batendo pênalti. Gol importante para o lateral, que retornou ao clube após empréstimo à Ponte Preta e é um dos jogadores mais contestados pela torcida.

Alerrandro aparece como titular

A expectativa ela pela presença de Carlos logo no início da partida. Mas como o atacante passou parte da semana no departamento médico, por causa de dores no joelho, o técnico interino Thiago Larghi optou por escalar Alerrandro, de apenas 18 anos. E o jovem centroavante participou muito do jogo. Enquanto esteve no campo, até os 23 minutos do segundo tempo, foi quem mais finalizou pelo Galo, com quatro tentativas.

Todos os titulares treinaram pela manhã

Até então presente em todos os jogos do Atlético no ano, nem mesmo o goleiro Victor foi para o duelo com o Tombense. Assim como o camisa 1 do Galo, os demais titulares da equipe treinaram pela manhã, na Cidade do Galo, visando o confronto desta quarta-feira com o Figueirense, pela terceira fase da Copa do Brasil, no Independência. Por isso o Atlético só teve reservas diante do Tombense, mesmo valendo vaga entre os melhores colocados da primeira fase do Campeonato Mineiro.

Chances claras não aproveitadas

O primeiro tempo não foi de grandes jogadas, mas Atlético e Tombense tiveram cada uma ótima chance de fazer o gol. A equipe visitante assustou primeiro, aos 11 minutos, mas Everton chutou por cima do gol, mesmo sozinho com o goleiro Cleiton. Aos 23 foi a vez de o time alvinegro perder grande chance, com Luan, que recebeu belo passe de Marco Túlio e finalizou muito mal.

Pênalti polêmico para o Atlético

Aos 12 minutos do segundo tempo o meia Luan finalizou da entrada da área e a bola bateu no zagueiro Anderson. Após alguns segundos de demora, após a defesa afastar a bola, o árbitro Felipe Fernandes de Lima marcou pênalti. Pela transmissão da televisão ficou claro que o juiz marcou de forma equivocada, já que a bola bateu no ombro do defensor do Tombense. O lance que originou ainda dois cartões amarelos para o time visitante, mostrado ao zagueiro Anderson e ao meia Caio César.

Volta de Lucas Cândido ficou no quase

O volante Lucas Cândido está sem jogar pelo Atlético desde o dia 14 de janeiro de 2017. O jogador sofreu uma grave lesão no joelho. Entre recuperação após cirurgia e preparação foi mais de um ano de espera até voltar a ser relacionado. O que aconteceu para o duelo deste domingo, com o Tombense. Com o Galo vencendo por 1 a 0, o técnico Thiago Larghi resolveu colocar o volante. Lucas Cândido entraria já nos acréscimos, mas como a bola não saiu de jogo, não foi dessa vez que o retorno.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-MG 1 X 0 TOMBENSE

Data: 11 de março de 2018, domingo
Horário: 17h (de Brasília)
Motivo: 11ª rodada do Campeonato Mineiro
Local: Independência, em Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG)
Assistentes: Marcus Vinícius Gomes (CBF) e Augusto Magno Ramos (ambos MG)
Cartões amarelos: Samuel Xavier (CAM) Wellington Carvalho, Cássio Ortega, Anderson e Caio César (TOM)
Gols: Danilo aos 14 minutos do segundo tempo

ATLÉTICO-MG: Cleiton, Samuel Xavier, Iago Maidanda, Matheus Mancini e Danilo; Arouca, Gustavo Blanco, Tomás Andrade, Marco Túlio (Bruninho, aos 19 do 2º) e Luan; Alerrandro (Carlos, aos 23 do 2º).
Técnico: Thiago Larghi (interino).

TOMBENSE: Darley, David, Anderson, Wellington Carvalho e Bruninho; Natan (Welber, aos 27 do 2º), Felipe Baiano e Caio César; Everton (Mayron, aos 35 do 2º), Cássio Ortega e Rubens (Adriano, aos 42 do 2º).
Técnico: Ramon Menezes.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos