Cruzeiro joga pela melhor campanha da história no atual formato do Mineiro

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Pedro Vale/AGIF

    Time misto faz último jogo podendo igualar recorde de cinco anos atrás no Mineiro

    Time misto faz último jogo podendo igualar recorde de cinco anos atrás no Mineiro

Engana-se quem imagina que a última rodada da primeira fase do Campeonato Mineiro não vale mais nada para o Cruzeiro. Com 28 pontos em 30 disputados, a Raposa já está garantida na primeira colocação, mas ainda joga para igualar uma marca nas estatísticas: atingir o melhor desempenho na primeira fase do estadual desde que o modelo com 12 clubes foi adotado.

Com o campeonato sendo disputado por 12 equipes, a melhor pontuação nas primeiras 11 partidas aconteceu na temporada de 2013, também com o Cruzeiro. O time de Marcelo Oliveira só empatou um compromisso e terminou a primeira fase com 31 pontos e saldo de 22 gols. No momento, a equipe de Mano contabiliza 28 pontos e 18 de saldo. Para igualar o feito de cinco anos atrás em número de pontos, a Raposa terá que sair vitoriosa contra o Patrocinense, neste domingo. Atual sétimo colocado, o Patrocinense ainda não está garantido nas quartas de final e pode até terminar a última rodada na zona do rebaixamento dependendo de uma combinação de resultados.

Apesar de ainda não saber se poderá igualar seu recorde de pontos na primeira fase, um feito histórico já foi atingido pelo Cruzeiro. Por quase 50 anos (desde 1969), o esquadrão de Tostão, Raul Plasmann e Piazza sustentou a marca de ter terminado a fase inicial do estadual 100% como mandante e sem levar gols dentro de casa. Como a próxima partida celeste será longe de BH, este recorde já foi atualizado. Este ano, foram seis vitórias no Mineirão, 14 gols marcados e nenhum sofrido.

Para a partida na cidade de Patrocínio, Mano Menezes não vai escalar o time titular que fez os principais jogos do ano. A começar pelo trio Fábio, Sóbis e Edilson, que estão pendurados e não vão para o jogo. Por isso, a oportunidade fica aberta para Rafael, Raniel e Ezequiel, que retorna aos campos após mais de três meses. No banco de reservas, outra novidade será o atacante Sassá. Recuperado de uma lesão no joelho, o atacante foi novamente relacionado e está novamente à disposição do treinador.

PATROCINENSE x CRUZEIRO

Motivo: 11ª rodada do Campeonato Mineiro
Data/Hora: 11/03/2018, às 17h
Local: estádio Pedro Alves do Nascimento, em Patrocínio (MG)
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira
Assistentes: Guilherme Dias Camilo e Márcio Eustáquio Santiago

Patrocinense: Neguete; Ângelo, Juninho, Nilo e Matheus Mendes (Magal); Mário César, Bruno Moreno, Leomir e Diogo Peixoto; Ademir e Marcelo Régis. Técnico: Wellington Fajardo.

Cruzeiro: Rafael; Ezequiel, Dedé, Digão e Marcelo Hermes; Lucas Silva, Bruno Silva, Mancuello e Rafael Marques; Judivan e Raniel. Técnico: Mano Menezes.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos