UOL Esporte Mundial Sub 20
 
09/10/2009 - 17h02

Apoiado por tabus, Brasil decide vaga na semi contra 'freguês' Alemanha

O campeão sul-americano encontra o campeão europeu. Neste sábado, às 11h30, Brasil e Alemanha decidem uma vaga na semifinal no Mundial sub-20 embalados pelo domínio dentro de seus continentes na categoria. O confronto no Estádio Internacional do Cairo também coloca à prova os tabus da seleção verde-amarela e o longo histórico de vitórias diante do rival germânico.

  • A seleção brasileira não teve problemas para passar pelo Uruguai na fase anterior do torneio

Esta será a 14ª vez que os dois países se enfrentam em uma Copa do Mundo (em todas as categorias). E o retrospecto da seleção brasileira é amplamente superior, com nove vitórias, dois empates e duas derrotas.

Não só isso, como a equipe verde-amarela venceu os dois confrontos que já teve contra a Alemanha no Sub-20, em 2001 e 2005. A última vez que o time europeu saiu vencedor contra os sul-americanos em um Mundial Fifa foi há 24 anos, quando a Alemanha Oriental levou a melhor por 4 a 3 no Sub-17 da China.

"Estamos em outra Copa do Mundo e não participamos de nenhum desses jogos. É legal para a seleção ter um retrospecto assim, mas não podemos nos deixar levar por isso", destacou o goleiro Rafael. "Essas estatísticas são boas para o pessoal no Brasil, mas elas não vão entrar no jogo", completou o meia Giuliano.

Campeão sul-americano com sobras, o Brasil também entra em campo pressionado para manter o embalo após atuações convincentes na competição. Ao lado de Gana e da própria Alemanha, o time é o único invicto do Mundial, mas com os números mais chamativos: 11 gols marcados e dois sofridos em quatro partidas.

DIOGO NÃO VÊ BRASIL MAIS FRACO

"Brasil e a Alemanha são os principais favoritos em Mundiais. Todo mundo tem vontade de participar de um jogo desses, mas não é só a camisa que entra em campo. Então, precisamos manter o que estávamos fazendo", comentou o zagueiro Dalton.

Para o duelo deste sábado, o técnico Rogério Lourenço não poderá contar com Rafael Tolói e Souza, suspensos. Além deles, o treinador ganhou o desfalque de última hora do volante Maylson, fortemente gripado. Desta forma, Fabrício, Renan e Boquita ganham nova chance na equipe.

Já a Alemanha chega às quartas-de-final gabaritada pela conquista do Campeonato Europeu sub-19 do ano passado. Além disso, o time chega animado pela vitória dramática nas oitavas-de-final, quando conseguiu a virada sobre a Nigéria por 3 a 2 com um homem a menos.

"Eles também têm seus pontos fracos. Então, porque não podemos nos aproveitar ao máximo disso no sábado? Depois de ganhar a última partida com um homem a menos ficamos cheios de confiança", destacou o defensor do Bayern de Munique Bjorn Kopplin.

BRASIL X ALEMANHA

Data: 10/10/2009 (sábado)
Horário: 11h30 (de Brasília)
Local: Estádio Internacional do Cairo, no Cairo (Egito)
Transmissão na TV: Bandeirantes e Sportv
Árbitro: Roberto Rosetti (Itália)
Auxiliares: Paolo Calcagno e Stefano Ayroldi (ambos da Itália)

BRASIL
Rafael; Douglas, Dalton, Fabrício e Diogo; Renan, Boquita, Giuliano, Paulo Henrique Ganso e Alex Teixeira; Alan Kardec
Técnico: Rogério Lourenço

ALEMANHA
Zieler; Jung, Kopplin, Jungwirth e Sven Bender; Vrzogic, Lars Bender, Funk, Vrancic e Holtby; Sukuta-Pasu
Técnico: Horst Hrubesch

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host