UOL Esporte Mundial Sub 20
 
16/10/2009 - 14h05

Nos pênaltis, Hungria derrota Costa Rica e termina Mundial sub-20 em 3º

De forma emocionante, a Hungria conquistou o terceiro lugar no Mundial sub-20. Nesta sexta-feira, no Cairo, a equipe perdia por 1 a 0 para a Costa Rica, após dominar boa parte do jogo. A seleção européia arrancou o empate no fim da partida e ganhou por 2 a 0 nos pênaltis.

Ariel Schalit/AP
Jogadores húngaros comemoram; equipe bateu Costa Rica nos pênaltis e ficou em 3º
FOTOS DOS JOGOS DESTA SEXTA
BRASIL X GANA: ALTA RIVALIDADE
BRASILEIROS CONCORREM A PRÊMIO
LEIA MAIS NOTÍCIAS SOBRE FUTEBOL
Em um primeiro tempo truncado, a Hungria logo tomou conta da partida, mas esbarrou em uma defesa adversária bastante fechada. Com a forte marcação dos costarriquenhos, os húngaros encontraram dificuldades, mas tiveram algumas chances para sair na frente.

Na segunda etapa, a Hungria continuou melhor em campo. Aos 26, a equipe criou excelente oportunidade para marcar. Em jogada pela direita, Koman invadiu a área e rolou para trás, para a chegada de Nemeth. Alvarado mais uma vez salvou a Costa Rica com uma defesa difícil. Dois minutos depois, Koman levantou para a área, mas Nemeth pegou mal e mandou para fora.

Gosztonyi arriscou um chute colocado aos 33, mas Alvarado desviou com a ponta dos dedos. Após a cobrança de escanteio, a bola sobrou quase na pequena área para Simon, que chutou forte e acertou a trave esquerda. Quando a Hungria mais pressionava, a Costa Rica foi letal.

Ureña dominou aos 36, passou pela marcação de Debreceni e, da entrada da área, acertou o canto direito do goleiro Gulácsi. Mena quase ampliou aos 41, ao desviar de cabeça uma cobrança de falta. A Hungria encontrou forças para buscar o empate no final.

Nemeth foi derrubado por Mena dentro da área; o costarriquenho recebeu o segundo cartão amarelo e cometeu pênalti. O capitão Koman bateu e igualou o marcador. O próprio camisa sete quase virou o placar aos 47, em chute que passou bem perto da trave.

Na decisão por pênaltis, a Costa Rica deu vexame ao perder todas as suas cobranças. Na primeira. Estrada acertou o travessão. Gamboa tentou um chute por "cavadinha", mas Gulácsi pegou. Koman, destaque húngaro, mandou na trave. Gulácsi pegou o chute de Luna no canto esquerdo. O goleiro húngaro defendeu a batida de Hernández e deu a vitória à equipe europeia.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host