UOL Esporte Mundial Sub 20
 
16/10/2009 - 18h43

'Quase herói', goleiro Rafael isenta companheiros por derrota na final

O goleiro Rafael quase deixou a final do Mundial sub-20 como herói. O camisa 1 fez sua parte e defendeu dois pênaltis na decisão. Mas seus companheiros desperdiçaram três cobranças consecutivas e adiaram o sonho do pentacampeonato.

Apesar da decepção com o resultado, Rafael não criticou seus companheiros pela derrota no Egito. "Aqui é um grupo, ganhamos e perdemos todos juntos. Todos fizeram o melhor para acertar. Fico feliz por ter defendido dois pênaltis, mas triste por não levar esse titulo para o Brasil".

O Brasil esteve por duas vezes em vantagem nos pênaltis. Rafael defendeu a terceira cobrança de Gana, realizada por Mensah, mas Souza desperdiçou em seguida. O goleiro brasileiro voltou a brilhar ao defender o chute de Addae. Maicon só precisava marcar para selar o título, mas mandou por cima do gol.

A decisão foi para as cobranças alternadas e Alex Teixeira desperdiçou a chance brasileira. Com isso, Agyemang-Badu fez o último e garantiu o título de Gana.

Autor da primeira cobrança do time verde-amarelo na final, o atacante Alan Kardec também defendeu seus companheiros que falharam na decisão por pênaltis. "Os jogadores estavam concentrados para que fizessem sua melhor batida. Cada um foi com confiança, mas não tivemos a felicidade para sair com a vitória nos pênaltis", comentou o jogador.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host