Topo

Futebol


Coritiba quebra série invicta do Londrina e segue vivo no returno do Paranaense

Divulgação/Coritiba
Jogadores do Coritiba comemoram gol de Roberto, na vitória por 1 a 0 sobre o Londrina Imagem: Divulgação/Coritiba

Do UOL, em Curitiba

2012-03-28T21:35:02

28/03/2012 21h35

O Coritiba se recuperou da derrota para Arapongas, ao vencer o Londrina por 1 a 0, nesta quarta-feira, no Couto Pereira, quebrando a série invicta do time londrinense no segundo turno do Paranaense. O gol da vitória foi marcado no início do segundo tempo, por Roberto. O Tubarão teve Thiago Santos expulso e jogou toda a etapa final com dez homens. 

Com o resultado, o Coxa se igualou em pontos ao adversário e segue vivo na disputa pelo título do returno. Após a sexta rodada, os dois times estão empatados com 15 pontos, mas o Londrina segue liderando, por ter melhor saldo gols, 14 contra 7 do time coxa-branca.

O jogo

Precisando vencer, o Coritiba partiu para a pressão desde o início do jogo, acuando o Londrina em seu campo.  O primeiro lance de gol aconteceu aos aos 7 minutos. Gil dominou de frente para o gol e mandou uma bomba no canto direito, mas o goleiro Danilo fez ótima defesa e evitou o primeiro gol. 

Aos poucos, o Londrina foi se soltando e assustou a torcida coxa-branca, aos 17 minutos, quando, na cobrança de um escanteio, Fernando colocou a bola para dentro. O árbitro Evandro Rogério Roman, porém, viu carga do zagueiro sobre Pereira e anulou o lance. 

O Tubarão absorveu a pressão inicial e passou a jogar de igual para igual, buscando o gol com constância. O Coxa parou de atacar e só voltou a levar perigo aos 30 minutos. Após uma cabeçada de Pereira, Roberto girou, mas o goleiro Danilo abafou o lance e fez a defesa. 

Nos 10 minutos finais, o Coritiba retomou a pressão e terminou a etapa com um homem a mais. Já nos acréscimos, Thiago Santos, que estava no chão, lesionado, levantou e deu um empurrão em Tcheco. O árbitro, que estava próximo ao lance, expulsou o jogador do Londrina. 

O Coxa aproveitou bem a vantagem numérica e chegou ao gol logo aos 5 minutos do segundo tempo. Em uma boa jogada pela esquerda, Gil cruzou para Roberto, na segunda trave, empurrar para o gol. Foi o primeiro gol tomado pelo Londrina, no segundo turno. 

Em seu melhor momento no jogo, o Coritiba poderia ter ampliado logo em seguida, mas, em dois lances seguidos, Danilo salvou o Londrina, em chutes de Anderson Aquino. 

Aos 15 minutos, o Londrina deu novo susto. Após a cobrança de um escanteio, Vanderlei tomou um frango, deixando a bola entrar direto. O auxiliar, no entanto, marcou a saída da bola, que fez uma parábola. 

O Londrina teve a grande chance para empatar, aos 28 minutos. Em um contra-ataque, Arthur escapou livre, mas errou ao tentar encobrir Vanderlei e mandou para fora. 

CORITIBA 1  X 0 LONDRINA

Coritiba
Vanderlei; Jonas (Everton Ribeiro), Pereira, Demerson e Lucas Mendes (Eltinho);  William, Tcheco, Gil  e Lincoln (Geraldo); Anderson Aquino e Roberto.
Técnico: Marcelo Oliveira


LondrinaDanilo, Ayrton, Fernando, Gilvan, Wendell; Silvio, Serginho Paulista (João Vitor), Mathias Cardaccio, Thiago Santos; Arthur (Joel) e Warlley (Bruno).
Técnico: Cláudio Tencatti

Data: 28/03/2012 (quarta-feira)
Local: Estádio Couto Pereira, em Curitiba-PR
Árbitro: Evandro Rogério Roman
Assistentes: Bruno Boschilia e Rafael Trombeta
Público pagante: 11.382
Renda: R$ 134.079
Cartões amarelos: Serginho Paulista,  Mathias, Sílvio (L); Lucas Mendes, Demerson (C)
Cartão vermelho: Thiago Santos (L)
Gols: Roberto, aos 5 min do segundo tempo
 

Mais Futebol