Técnico Marcelo Oliveira, do Coritiba, exime goleiro Vanderlei de falha

Do UOL, em Curitiba

  • Divulgação/ Coritiba

    Goleiro Vanderlei falhou no segundo gol do Atlético-PR, mas teve apoio do técnico do Coritiba

    Goleiro Vanderlei falhou no segundo gol do Atlético-PR, mas teve apoio do técnico do Coritiba

Embora tenha falhado no segundo gol do Atlético-PR, o goleiro Vanderlei recebeu apoio do técnico do Coritiba, Marcelo Oliveira, após o empate por 2 a 2 deste domingo, na Vila Capanema, pelas finais do Paranaense. "O Vanderlei tem um crédito imenso", disse o treinador.

Para Oliveira, o goleiro não falhou no lance, no qual espalmou para o meio da área uma bola  chutada por Ricardinho, de fora da área, e permitiu que Ligüera completasse para o gol.

"A bola foi muito forte, foi variando muito, muito difícil de defender", comentou.

O goleiro também explicou o lance e mostrou-se aliviado com o empate, que permite ao time ser campeão paranaense, domingo que vem, no Couto Pereira.

"Foi um lance complicado, o Ricardinho chutou de longe, a bola fez uma curva e eu acabei espalmando. Felizmente conseguimos fazer o gol de empate", disse o goleiro.

Para ser campeão, o Coxa precisa vencer o segundo clássico. Caso haja um novo empate, a decisão irá para os pênaltis. Apesar da vantagem de poder decidir o título em casa, Marcelo Oliveira não vê o campeonato decidido.

"Eu não diria que estamos com a mão na taça. Futebol não é assim, até pelo valor do adversário. mas vencer o campeonato diante da nossa torcida seria ideal. E até confesso que uma das coisas que me fizeram ficar no Coritiba é a possibilidade do tricampeonato. Não vai ser fácil, mas nós vamos buscar com todos os esforços", complementou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos