Topo

Futebol


Atacantes brilham, e Paraná e Atlético-PR empatam em péssimo gramado

site oficial do Atlético-PR
Paraná e Atlético-PR empataram emocionante clássico, na Vila Capanema Imagem: site oficial do Atlético-PR

Do UOL, em São Paulo

2013-03-17T17:55:44

17/03/2013 17h55

Paraná e Atlético-PR ‘ignoraram’ o péssimo estado do gramado da Vila Capanema e fizeram um emocionante jogo pelo Paranaense. Com direito a brilho dos atacantes Reinaldo e Douglas Coutinho, que marcaram dois gols cada um, virada atleticana e até expulsão, o clássico terminou empatado por 2 a 2.

Desta forma, o Atlético-PR vê o fim do aproveitamento de 100% no returno e chega aos sete pontos, dois atrás de Londrina e J. Malucelli, que venceram seus três compromissos. Já o Paraná conhece seu segundo tropeço seguido como mandante. Soma cinco pontos.  O jogo, aliás, quase não aconteceu. O motivo é o gramado em péssimas condições e onde a própria diretoria paranista admitiu não haver condições de jogo.

 Chegou a pedir o adiamento da partida, mas a Federação Paranaense de Futebol negou alegando que não havia data. O Paraná ainda acreditava que a vistoria da comissão de arbitragem definiria pela não realização, mas o jogo foi confirmado. Apesar disso, o time da casa começou pressionando o rival atleticano. Luisinho e Lúcio Flávio dava certo trabalho ao time de Arthur Bernardes.

Até então, o Atlético-PR chegava pouco ao ataque. E o melhor momento em campo do Paraná acabou dando resultado. Aos 33min, o experiente Reinaldo abriu o placar. Mas teve pouco tempo para comemorar. Em um espaço de apenas dois minutos --35min e 37min--, Douglas Coutinho marcou duas vezes e virou o marcador.

“Saímos à frente e tomamos a virada. O jogo está bonito e temos tudo para reverter. Os gols de virada são mérito do Atlético-PR . Foi um contra-ataque e um grande chute”, disse o atacante paranista Reinaldo. A expectativa era saber qual seria o comportamento do Paraná no segundo tempo.

A equipe de Toninho Cecílio foi para o ataque. Aos 19min, Ricardo Conceição acertou a trave. E a postura deu certo. Aos 21min, o inspirado Reinado anotou seu segundo gol no dia e igualou o clássico. A situação atleticana piorou, quando Léo recebeu o cartão vermelho. O Paraná não soube aproveitar a vantagem numérica, e o clássico terminou empatado.

Mais Futebol