Topo

Futebol


Atlético-PR faz no fim, ganha e segue caça ao líder; Coritiba só empata

Bruno Baggio / site oficial do Atlético-PR
O atacante Douglas Coutinho fez seu 9º gol pelo Atlético-PR no estadual Imagem: Bruno Baggio / site oficial do Atlético-PR

Do UOL, em São Paulo

2013-03-27T23:56:36

27/03/2013 23h56

Definitivamente, Atlético-PR e Coritiba vivem momentos distintos no segundo turno do Paranaense. O primeiro continua em ascensão. Com gol de Douglas Coutinho nos acréscimos da etapa final, a equipe de Arthur Bernardes bateu o Paranavaí por 1 a 0 e mantém sua caça ao líder Londrina. Já o campeão do turno voltou a decepcionar. Desta vez, não foi além de empate por 1 a 1 contra o lanterna Nacional.

Após seis rodadas, o Atlético-PR contabiliza 16 pontos, apenas dois atrás do Londrina, que bateu o Cianorte por 2 a 0 e manteve 100% de aproveitamento. No sábado, os dois melhores fazem uma espécie de ‘decisão’, no Ecoestádio. Por outro lado, o Coritiba tem apenas nove. Ou seja, o sonho de conquistar o returno ficou praticamente impossível.

O Atlético-PR, aliás, esteve bem próximo de ver seu principal rival na briga pelo título ficar distante. No primeiro tempo, acertou duas bolas na trave, com Douglas Coutinho e Jean Felipe. Mas encontrava dificuldades. O jogo caminhava para o empate.

Mas o time atleticano não desistiu. E o tento salvador aconteceu apenas aos 46min da etapa final. Douglas Coutinho aproveitou cruzamento de Edigar Junio e selou o suado triunfo dos visitantes. Esse foi 9º gol do atacante atleticano, que divide a artilharia do Paranaense com Potita (J. Malucelli) e Neílson (Londrina).

Coritiba falha outra vez

Para o jogo, Marquinhos Santos fez algumas mudanças na equipe. A principal foi a ausência de Alex, que acabou sendo poupado. O time até começou melhor, mas o Nacional surpreendeu. Logo aos 9min, Tiago Henrique marcou o gol do time de Rolândia.

"Em uma desatenção, sofremos o gol. Está faltando chutar. O goleiro deles não trabalhou no primeiro tempo", resumiu Leandro Almeida. No entanto, encontrou muitas dificuldades. Mas não desistiu. E, aos 46min, Chico salvou o Coritiba. 1 a 1. Apesar disso, teve dois jogadores expulso nos minutos finais (Leandro Almeida e Gil).

Mais Futebol